“Às vezes me pergunto se algum dia vou ser livre disso. Sabe, por mais ajuda que os remédios e a terapia te deem, por mais que eles o ajudem lidar com os seus sentimentos e seus pensamentos nem todos os dias você vai poder sorrir de verdade; e tudo bem, você não precisa sorrir todos os dias. Até a tristeza é importante, mas venho me perguntando o por quê da existência do fracasso, dos seus próprios pensamentos indo contra você, o estresse por “pouco” ou por “nada”. Não sei se todas as pessoas com TAG ou DEPRESSÃO se sentem assim, mas é complicado você viver estressada e pra baixo e tendo pensamentos ruins sobre si mesmo e esses pensamentos tem a SUA voz. Você mesmo se mata todos os dias e você não sabe como parar ou se quer parar.”

-Criadora do blog Liberta da Ana e Mia (Gabriele Meireles)

 

Aprenda a falar!

Resultado de imagem para megafone

“A única forma de você se libertar da prisão, de encontrar a saída do Labirinto, é você reconhecer sua situação e pedir ajuda.”

 

 

 

Minha doença ganhou uma voz-Anorexia

borboleta3gggg“Simplesmente é assim, eu estava mais obcecada a cada dia que passava. “eu PRECISO da ANA” ,era sempre assim .Então comecei a ouvi-la. Não, não ache bizarro ou medonho. Eu ouvia realmente a “Ana”, a minha doença personificada tinha ganhado “vida”. E uma voz.”

-Gabriele Meireles (criadora do blog)

Minhas metas pró-Ana

Há alguns meses atrás, eu estava aprisionada e então resolvi postar minhasborboleta  metas pró-ana (à favor da anorexia) para verem como eu estava completamente perdida nesse Labirinto.

P.S

ISSO DEFINITIVAMENTE NÃO – NÃO- É UMA META PRÓ-ANA PARA QUE VOCÊ “SE INSPIRE”, É SÓ PARA VOCÊ OBSERVAR COMO ”ELA” *anorexia* AGIU NA MINHA VIDA E AGE EM OUTRAS.

Bem,
Início queria perder só 4kg e ainda achava MUITO até.

 

•Peso: 51kg                                         1° meta: 47kg.
Alguns meses depois (2 ou 3 meses) eu tive uma compulsão e engordei mais 3kg. O que me fez sentir ódio de mim mesma.

“Sua gorda! Nem pra ANA você serve! ” ,

“Mia.. preciso pôr toda essa gordura nojenta pra fora! agora!!”,

“porquê você comeu??? porquê?!??!?!”

Isso que passou na minha cabeça enquanto eu descia da balança. Estava determinada em perder não só 4kg, mas 10kg!
“vamos arredondar para 10kg!! eu PRECISO recompensar, eu PRECISO ser uma VERDADEIRA ANA & MIA!” -pensei.

 

Então ficou assim o novo quadro de metas ⇓ :

   •Peso: 54kg                           2° meta: 44kg.
 •Peso: 47kg                           3° meta: 38kg
•peso: 38kg                           4° meta: 36kg
•peso: 36kg                           5° meta: 34kg

 

 

“Sim, esse é um dos piores momentos da vida de uma “Ana”, as compulsões.”

-Gabriele M. de Santana

 

123“Simplesmente é assim, eu estava mais obcecada a cada dia que passava. “eu PRECISO da ANA” ,era sempre assim .Então comecei a ouvi-la. Não, não ache bizarro ou medonho. Eu ouvia realmente a “Ana”, a minha doença personificava tinha ganhado “vida”. E uma voz.

-Gabriele M. de Santana

 

Resultado de imagem para compulsão

“Sim, esse é um dos piores momentos da vida de uma “Ana”, as compulsões.”

-Gabriele M. de Santana

Como estou hoje?

Gabriele Meireles, 17 anos (2016), sofreu de anorexia nervosa e bulimia em 2015.

  Iniciou tratamento com psicólogo e psiquiatra no final do mesmo ano e obteve cura dos transtornos alimentares meses depois, com intermédio de Deus.

   Hoje ainda continua o tratamento de depressão e TAG (transtorno de ansiedade generalizada) em sua cidade no RJ. 

  Por complicações da depressão, saiu da escola este ano e iniciou tratamento terapêutico com uma nova psicóloga (dr. Sônia ♥), a qual vem a ajudado a aprender a lidar com suas crises e se re-conhecendo como pessoa (…)

 

CONTINUE LENDO CLICANDO AQUI

Anorexia pode mudar sua aparência, mas não muda suas mágoas e nada do seu interior

  Eu sei que muitas pessoas acham que quando forem magras serão felizes, terão uma nova vida, etc. Mas ser magra ou ser gorda ou ser musculosa muda a vida de alguém?

  De certa forma sim! Muitas pessoas ganham auto-estima com alguma mudança no seu exterior. Mas isso não cura feridas, não muda a sua história desde o começo.

  É notável isso numa pessoa anoréxica que pesa 30kg. Um dia, ela foi obesa! E sofreu bullying por anos até conhecer a “Ana”. Isso mudou seu exterior, mas não mudou como se sentiu. Mesmo extremamente magra, ela não saía de casa, não comia -pensando em todos os apelidos maldosos e todos os olhares que lançaram sobre ela anos atrás-. Anorexia fez com que ela fosse magra. Mas por dentro, ela ainda se sentia com 180kg e ainda se sentia diminuída perto de outras pessoas. Anorexia pode mudar sua aparência, mas nunca vai mudar aqueles olhares…aquelas piadinhas sobre seu peso..ela só vai evidenciar.

  Porque você não vai parar de pensar nisso nem por 1 segundo e isso te dará “forças” pra continuar no Labirinto mesmo já ultrapassando o peso da mulher mais magra do mundo!

 

  Você será magra, uma borboleta perfeita, mas ainda se sentirá mal todo o tempo por todas as feridas implantadas em você por outras pessoas.. E não há magreza, anorexia, bulimia, automutilação que te fará esquecer disso. Sempre há a opção E: pedir ajuda.

 

“TODOS TEMOS DEFEITOS PRINCESA. SER MAGRA OU SER GORDA NÃO MUDARÁ ABSOLUTAMENTE NADA.”

-Criadora do blog Liberta da Ana e Mia

Ballet fitness? TaeBo? Q48? Zumba?

exercicios.jpg

 

Veja a nova categoria: exercícios . Clicando Aqui

Salada de frutas funcional

avacado-salad-sl-1731427-l.jpeg

 Pique 2 a 3 tipos de frutas de sua preferência e monte uma taça com elas. Regue com suco de 1 laranja. Vá mais longe: acrescente 1 potinho de iogurte desnatado (ou de sua preferência) e farelos integrais como fibra de trigo, fibra de soja, farinha de linhaça…

Esta salada de frutas da foto tem abacate, fruta MEGA SAUDÁVEL, perfeita para quem nunca consegue baixar o colesterol!!

Dicas de como ser perfeita Ana e Mia

 :

1° de tudo: Meu blog é ou não pró-Ana e Mia?

2°: A minha história com os transtornos alimentares e todo o processo de cura que obtive fez com que eu tivesse a ideia de criar este blog. Um blog onde eu JAMAIS daria dicas que eu fiz quando eu era Ana e Mia.

3° Sabendo do primeiro e do segundo ítem, não digo para não procurarem mais coisas do universo da Anorexia e Bulimia, porque isso me ajuda a fazer novos posts. Mas que se você entra em um blog que NÃO É À FAVOR DE ANA E MIA buscando desesperadamente ser como uma pessoa que está doente, sugiro que você pare e pense: Por que eu quero ser como elas? Por que eu quero ser uma Ana ou uma Mia?

  Se a resposta for uma das seguintes, PARE NA ENTRADA DESSE LABIRINTO E DÊ MEIA-VOLTA. Siga outro caminho, porque anorexia e bulimia não são apenas “estilos de vidas”, são doenças psicológicas e é a pior das burrices que alguém sã pode querer fazer.

Possíveis respostas: 

Continuar lendo Dicas de como ser perfeita Ana e Mia

Como saber se sou ou não anoréxica?

Muitas meninas ainda têm muita dúvida quando a questão é:

SERÁ QUE SOU  ANORÉXICA?

anigif.gif

Bem, primeiro saiba o que é ser anoréxica e ser ANA.

Sim, existe uma diferença onde é Doença  x  “Modo de vida” . Muitas pessoas se denominam “Ana”,mas não se reconhecem anoréxicas. Porque?

A pessoa que se denomina “Ana” pode não aceitar que é doente. Já a anoréxica, pode nem saber o que é a ANOREXIA !

A pessoa anoréxica pode OU NÃO ser Ana e só ser considerada com a doença por estar à baixo do peso ou por outros motivos que NÃO ENVOLVE se sentir como as Anas e Mias se sentem e agem. Existem várias motivos que levam pessoas a fazerem o tratamento de anorexia e/ou bulimia que pode envolver: depressão, transtorno de ansiedade…etc

(No outro post irei falar mais sobre isso.)

•E como Anas e Mias se sentem e agem?

1- Anas e mias não aceitam de forma ALGUMA seu corpo.

2- Acham sempre um defeito no seu corpo: barriga, braços, coxas…etc

3- Fazem contas quase que automaticamente das calorias consumidas em TUDO quanto comem no dia.

4- Ficam de NF ( no food – sem comida )

5- Fazem LF ( low food -pouca comida, ou seja, consumo de pouca comida (calorias) no dia)

6- Fazem semi-NF (O semi- NF é o consumo de calorias muito baixas. Ex.: 15kcal, 30kcal,50kcal..etc)

7- Mesmo magras, se vêem gordas (distorção da imagem)

8- Fazem metas de peso. Ex.: Se uma pessoa tiver 61kg, ela fará uma meta na qual ela escolherá ter 10kg – 20 kg a MENOS do que tem. Muitas meninas Anas e Mias optam por ficar na casa dos 40kg ou menos.

9- Choram sempre por se acharem feias e gordas.

10- Se isolam por achar que ninguém gostará delas por serem gordas.

11- Têm pensamentos depressivos.

Ex.: Ninguém gosta de mim.    /       Ninguém me quer.            

        Eu sou uma porca gorda.    /       Eu não sirvo pra nada!

12- Muitas ainda sofrem de AUTOMUTILAÇÃO.

Sabendo disso, não arranque os cabelos pensando se é ou não anoréxica. Claro que existem muitas outras formas de agir e SER que torna uma pessoa Ana e/ou Mia. Se você ainda está no começo de tudo isso, peço que fale com alguém de sua confiança. Não tenha medo. Ou se quiser algo mais discreto pode me contatar através das redes sociais:

cropped-fotojet-collage6.jpg

LEMBRE-SE: ANAS LEVAM ANOREXIA COMO MODO DE VIDA E A TRATAM COMO AMIGA.

ANORÉXICAS POSSIVELMENTE NEM SABEM O QUE É ANOREXIA OU O QUE É UM NF, LF, SEMI-NF…

MAS TODA “ANA” É ANORÉXICA. SENDO ELAS OBCECADAS PELO “PESO E CORPO PERFEITO”

😉

Todo lo que me motiva a ser mejor todos los días..

Não consigo parar de me automutilar!

 Ao contrário do que a maioria das pessoas pensam sobre o ato da automutilação, não é para chamar atenção, não é por modinha, não é coisa de babacas, enfim! Você já deve ter ouvido algum comentário sobre essas pessoas ou ter feito um deles.

  A automutilação é cada vez mais comum no meio de adolescentes e adultos. Eu tenho contato com algumas pessoas que já se automutilaram e contato também com as que sofrem com este tipo de problema. 

Mas o que leva pessoas a se machurarem fisicamente?

Como entender que elas usam da dor física para esquecerem a dor da alma?

  “Primeiro de tudo, se você é do tipo de pessoa que já criticou quem sofre de automutilação, quero pedir que você respeite todas as pessoas que sofrem com isso. Não é porque você nunca passou pela automutilação que tem o DIREITO de dar opinião sobre a dor dos outros. Todos têm uma dor. Alguns maiores do que outros, então RESPEITE os sentimentos de cada um.”  -Nota da autora (Gabriele Meireles)

  Eu nunca passei pela automutilação, mas cheguei bem perto disso. Minha história até aqui consiste em anorexia, bulimia, transtorno de ansiedade, depressão e tentativas de suicídio. Mas por ter contato com pessoas que se machucam e por ter tentado um pouco mais além, que é o suicídio, eu estou apta para falar sobre.

   A dor de quem se automutila é tão grande que você precisa achar algum alívio pra isso tudo. E por muitas pessoas terem vergonha ou medo de irem ao psicólogo e ao psiquiatra ou por não terem condições, a fazem tentar qualquer coisa para que a dor da alma venha ser esquecida. Nem que por alguns minutos..algumas horas.. É como se você estivesse se afogando e alguém te puxasse pra cima. Você respira. É um alívio você estar com o ar nos seus pulmões de novo, mesmo que você venha se afogar algum dia novamente.

  Os cortes, os arranhões, qualquer forma de você se machucar fisicamente faz com que você pare de sentir a dor interna e passe a sentir a que está, literalmente, na pele. E mesmo que você ainda venha sentir dor FÍSICA, a dor da alma pelo menos passa por um tempo. Sei que algumas pessoas se machucam tanto que nem sentem mais a dor nos pulsos, a dor nas coxas, na barriga, onde quer que se automutilem! É um vício, um ciclo. Uma bola que você não consegue quebrar, não consegue furar. Você está preso pelo vício, pelas mágoas, pelas dores e pelos seus próprios pensamentos. 

  Depois que eu mudei de psicóloga e DECIDI que iria melhorar da depressão, eu venho aprendendo que a cura, a libertação dessa dor está na palma das minhas mãos. Não vai ser remédios, psiquiatra, psicólogo, amigos, família que vai me tirar do meu estado mental. Será eu mesma. A minha decisão, o meu esforço, a minha escolha de tentar mais uma vez, mais um dia.

Então decida sair disso.

Se esforce.

Procure ajuda profissional! Há psicólogos baratos, psicólogos de graça.. mas ponha um ponto final nesse ciclo. A vida é sua.

O que você está deixando seus próprios pensamentos e suas dores fazerem com ela?

A invisibilidade pode ser positiva! -parte 2

 E você já percebeu que plásticas e quilos a menos não resolverão a sua rejeição? Você sabe que ainda não superou o bullying, e que ainda não desaprendeu a se odiar. Você já sabe de tudo isso. Então minha pergunta é: até quando você quer se odiar? Será que com 40, 50 anos você se aceitará? Vale a pena ficar mais uma ou duas décadas ou a vida toda sem sexo e sem mar (que você gosta!) porque você aprendeu que é horrível, e isso porque você acreditou num bando de cretinos que te chamaram de baleia?
 Mas nem o feminismo, nem os estudos, nem a perspicácia pra saber que as imagens que nos cercam são mentiras!

  Quase sempre tentam me ofender dizendo que sou feia, gorda, boba e chata, o que eu chamo de “argumentação da quarta série”. Esses insultos tão maduros e embasados me afetam muito menos que um mosquito aqui em casa (pois mosquito pica, enquanto troll só faz ruidinho).

 Porque pensa só: um babacão que aparece pra me xingar de baleia está depondo contra mim ou contra si próprio? Ele sabe que é contra si próprio, tanto que tem vergonha de fazer isso sozinho. Precisa fazê-lo anonimamente ou estar no meio de um grupinho de amigos, porque pega mal. Não pega mal pra mim — eu não me deixo afetar, acho baleias divinas, não acho gorda sinônimo de feiura —, mas pra ele..  É bem provável que aqueles adolescentes que te humilharam amadureceram. E, se lembrarem do que fizeram com você, sintam vergonha.
 Acho que, assim como nós existimos em todos os tamanhos, formas, e cores — e que essa diversidade é linda e positiva —, existe gente que se deixa contaminar menos por um padrão único de beleza e aprende (precisa ser autodidata!) que há beleza em todos. Não há nenhuma lei dizendo que gordos devem morrer sós e infelizes. Mas não será um blog que melhorará seus problemas de aceitação. Você precisa de ajuda psicológica (não é demérito — acho que todo mundo se beneficiaria de terapia).
Você aprendeu a se odiar. Agora precisa desaprender. Quanto antes, mais tempo te sobrará para ser feliz.

Meu peso “ideal”- por Gabriele Meireles

sem-tituloddd

 

 Para minha altura, meu “peso ideal” está entre: 46kg – 62kg.

  Ou seja, é um peso onde eu, tecnicamente, estou saudável. Mas como o IMC não sabe o que você come, se você pratica exercícios.. então depende muito esse termo “saudável”. Eu posso estar com 44kg e estar saudável! Assim como eu posso estar com 65kg e ser saudável! Isso é muito relativo..

  Muitas pessoas fazem o cálculo do seu IMC e mesmo assim, querem um peso bem mais baixo do seu “peso ideal”. Mas você pode sim ser saudável e ser, tecnicamente, pelo IMC, “abaixo do peso” pra sua altura e idade. E há a possibilidade de você ser saudável e ser também, tecnicamente, “acima do peso” ideal pra você de acordo com o IMC.

  Como disse: TUDO É MUITO RELATIVO! ENTÃO TENHA O PESO QUE VOCÊ QUISER! MAS INDEPENDENTE DE QUALQUER CÁLCULO OU BALANÇA, SEJA SAUDÁVEL. QUE SEU PESO NÃO TE PREJUDIQUE FISICAMENTE.

 

Lindo é o meu corpo

Magro,

Gordo,

Flácido,

Musculoso…

AME SEU CORPO ! ELE FAZ VOCÊ SER VOCÊ.

 

it's my body.jpg

A invisibilidade pode ser positiva!

 Uma pesquisa do Sesc junto a Fundação Perseu Abramo nacional, muito abrangente, com 2.365 entrevistas com mulheres e 1.181 com homens, foi feita em 25 estados, com resultados interessantíssimos que ainda preciso tratar aqui.

  Mas um dos números que chamou minha atenção foi que 70% dos homens e 50% das mulheres diziam estar totalmente satisfeitos com a aparência. Aquele número altíssimo — metade das mulheres se aceita como é! — não bate com a realidade que conheço! O coordenador da pesquisa, Gustavo Venturi, professor da USP, me explicou o que acontece: parece que, a partir de uma certa idade (40, 50 anos), as mulheres passam a se aceitar.  Quando elas percebem que já estão fora do padrão de beleza mesmo (que é sempre ligado à juventude), quando a pressão social (de que toda mulher deve ser decorativa acima de tudo) já não pode mais ser exercida, as mulheres começam a se sentir melhor. Ou seja, a invisibilidade pode ser positiva! Essa invisibilidade é assim: como mulheres só têm duas funções, ser mães e ser belas, e como essas duas funções já não podem mais ser cumpridas após uma certa idade, nos tornamos “invisíveis”, ninguém mais presta atenção na gente. O lado bom é: ficamos livres da patrulha!
Certo, não é bem desse jeito que as coisas funcionam.Continuamos sendo avaliadas e julgadas, só que bem menos do que antes. Mas o principal é que talvez nós mesmas passamos a ser mais boazinhas conosco. Porque vamos pensar: por quantas pessoas precisamos ser aceitas? Se somos hétero, quantos homens precisam nos achar lindas e sensuais? A menos que você seja miss, modelo ou atriz, a resposta é: um só. Não precisamos conquistar o mundo, até porque nem dá. Nem a Gisele Bundchen é universalmente aceita. Não existe unanimidade.

Desculpa a comparação, mas sabe como a gente se apaixona pelo nosso cachorrinho e passa a considerá-lo o cão mais lindo do mundo? Pra outras pessoas ele é um cão normal, nem bonito nem feio, mas pra gente ele é especial. E por quê? Porque ele é nosso, porque a gente o conhece bem e o ama. Agora imagine só o que a gente sente por alguém da nossa espécie, que fala a nossa língua, com quem fazemos amor.
Mas eu disse que basta uma pessoa nos aceitar? Me enganei! Na realidade, o primeiro ser que precisa se aceitar é… você mesma. E você tem total ciência disso. Você sabe que está se privando de prazeres (de praia, de sexo) por causa do que você acha do seu corpo e pelo que você tem certeza que os outros (desconhecidos, em sua maior parte!) vão achar.

 

 

Não digo só da dor física (automutilação), mas também da dor interior.

Eu me acostumei a dor que a depressão me ofereceu em pouquíssimo tempo. Não queria melhorar. Não fazia o menor esforço pra isso. Então, depois de muitos acontecimentos e de tanto me sentir CANSADA deste estado mental, EU ESCOLHI ME LIBERTAR!

Mudei de psicóloga e finalmente parei de odiar os antidepressivos. Isso é só uma fase, um momento que estou passando. É só a noite, logo virá o dia! Logo virá uma nova fase, um novo momento na minha vida. E eu serei livre disso! E já me sinto assim.

  Essa é a melhor coisa que você pode fazer para se livrar da depressão, da anorexia, da bulimia,etc:

ESCOLHER SER CURADA.

 

FOI ELE QUE ME SALVOU

Meu blog é ou não pró-Ana?

Resultado de imagem para pergunta

Muitas pesquisas aqui no blog liberta da ana e mia vem me feito escrever vários posts, no qual referem ao que procuraram e não acharam.

Mas pelo fato de eu ver pessoas pesquisando aqui coisas como “borboleta ana e mia perfeita” ou “ajuda para ser ana e mia“, entre outros.. Foram mais de 10 meses, desde que o blog foi criado e ainda sim as pessoas não entenderam o propósito dele. 

Então, como dona do Liberta da Ana e Mia vim falar um pouco com você.

MEU BLOG É OU NÃO PRÓ-ANA?

NÃO!! Quando criei este blog não queria incentivar pessoas -principalmente as meninas mais novas- a se tornarem Ana e Mia. Eu, por já passar por isso, sei o quanto o mundo da Anorexia é tentador. E sei que muitas que superaram, tem recaídas um tempo depois. Mas sejam fortes. Lembre do que vocês se livraram, lembrem como tudo isso é LIBERTADOR! Comer sem culpa.. não sabia mais o que era isso! Mas descobri! Graças a Deus posso comer o que quero. Sem culpa, sem pensar em calorias, sem pensar nos exercícios que vou ter que fazer para acabar com a gordura que aquela comida vai me dar, sem pensar em laxantes, sem pensar em NADA. Apenas como o que eu amo comer e pronto.

Eu posto vídeos dos melhores exercícios que já vi na minha vida para perderem gordura corporal. E POR QUE?! Porque eu quero ajudá-los a emagrecer sim. Mas também quero que percebam que não precisam se sentir desesperados para emagrecer.

MENU DO BLOG

O menu do Blog Liberta da Ana e Mia se encontra embaixo da capa (se você estiver pelo celular) e se estiver pelo computador, o MENU se encontra em cima da capa ,do lado direito.

Lá você pode fazer suas pesquisas , ver os vídeos, depoimentos…conhecer minha história e ver todas as categorias. Inclusive as de DIETAS e EXERCÍCIOS.

Pensei em tudo? Talvez falte algo aqui ou ali… bem, vocês me ajudam nisso cada vez que fazem uma pesquisa ou me enviam um e-mail . Então, obrigada!

Agora que tudo está esclarecido…

E-MAIL PARA CONTATO: antianamia@outlook.com.br

OBS.:  NENHUM E-MAIL SERÁ DIVULGADO OU USADO COMO EXEMPLO PARA QUALQUER POST AQUI NO BLOG. COM EXCEÇÃO DOS QUE ME PERMITIREM COLOCAR SUAS HISTÓRIAS AQUI.

Fruta engorda? Mitos e Verdades

Fruta Engorda? Mito!

Como diz uma piada recorrente na internet, a fruta não engorda, quem engorda é você. Embora a afirmação seja evidentemente jocosa, o fato é que não existe um único alimento que faça alguém engordar.

O que efetivamente contribui para o ganho de peso é o total de calorias consumidas ao longo do dia. Veja este exemplo: se o seu metabolismo necessita de 1.500 calorias para se manter ativo mas você ingere 2.000 kcal, o superávit de energia fará você engordar.

Consumir 500 calorias a mais todos os dias leva ao ganho de um quilo em apenas 7 dias, o que pode causar a impressão de que a fruta engorda. 

 

– As calorias são todas iguais? Mito!

Tecnicamente sim, mas na prática nem todas as calorias têm o mesmo efeito sobre o organismo: 100 calorias oriundas de uma fruta não exercem o mesmo impacto na glicemia que 100 calorias de um doce.

Por que não? Simples: as frutas contêm fibras, que retardam a absorção da glicose e impedem um pico de açúcar no sangue. Já o doce é quase que um açúcar puro que é rapidamente metabolizado pelo sistema digestivo.

Por outro lado, no outro extremo da balança temos as proteínas e gorduras, que têm digestão ainda mais lenta que as frutas. Isso significa que consumir 1 filé de frango, com 150 calorias, não é a mesma coisa que comer uma manga de tamanho médio.

Embora ambos tenham a mesma quantidade de calorias, o impacto na glicemia não é o mesmo, exatamente pela ação da frutose. E é exatamente aí que a fruta pode interferir na dieta.

Ou seja, o açúcar da fruta pode alterar a glicemia de maneira diferente das calorias de outros alimentos, como proteínas e gorduras, mas não tem o mesmo efeito negativo que o açúcar puro.

 

– Algumas frutas abrem o apetite? Verdade!

O açúcar das frutas é conhecido como frutose, um tipo de carboidrato simples que, ao se juntar com a glicose, forma a sacarose (que conhecemos como o açúcar de mesa). Além das frutas, a frutose também está presente no mel e nos tubérculos (batata, mandioca).

Para ser utilizada como fonte de energia para o corpo, a frutose necessita da ação da insulina, um hormônio que funciona como uma espécie de “carregador” do açúcar para dentro das células. Portanto, quanto mais açúcar na circulação, maior será a liberação de insulina pelo pâncreas.

O problema é que esse efeito pode causar uma resistência à leptina, o hormônio responsável pelo sinal de saciedade. Uma redução na ação da leptina eleva os níveis de grelina, um dos hormônios que sinalizam fome.

De maneira simplificada, temos que ao consumir uma fruta você terá uma elevação nas taxas de glicose no sangue, e em muito pouco tempo seu apetite poderá estar aumentado.

 

– Todas as frutas devem ser evitadas durante a dieta? Mito!

A natureza é bastante sábia: se de um lado as frutas são ricas em açúcar, por outro elas contêm muitas fibras, que retardam a absorção da frutose e minimizam os efeitos deletérios do açúcar.

Algumas frutas, no entanto, acabam tendo um impacto maior do que outras na glicose sanguínea, sendo denominadas frutas de alto índice glicêmico. Estas elevam drasticamente as taxas de açúcar e podem abrir o apetite em pouco tempo.

Já as frutas de baixo índice glicêmico têm impacto mais moderado na glicemia e não causam uma liberação excessiva de insulina.

Quem está tentando emagrecer deve acrescentar à dieta as frutas com baixo IG (veja exemplos no final do artigo), a fim de não alterar o mecanismo de sinalização da saciedade e acabar ficando com fome antes da hora.

 

– Suco de fruta é tão bom quanto a própria fruta? Mito!

Sem as fibras, o suco de fruta nada mais é do que açúcar puro. Por isso você vai ver muita gente falando que o suco de fruta engorda mais que ela naturalmente. De acordo com o renomado médico americano Dr. Robert Lustig, um copo de suco de laranja tem o mesmo efeito na glicemia que um copo de refrigerante.

Para ele, que é considerado uma das maiores autoridades mundiais na relação entre o consumo de açúcar e a obesidade, não faz sentido espremer uma fruta e descartar as fibras. Ou você consome a fruta inteira, ou é melhor optar por um copo de água.

E fica fácil entender por quê: você dificilmente conseguiria consumir mais que duas laranjas de uma única vez, mas acaba ingerindo nada menos que 4-5 em um único copo de suco. E tudo isso sem nada de fibra para atenuar os efeitos do açúcar.

Portanto, aqui é desfeito um dos principais mitos sobre as frutas: o suco de fruta engorda e não é tão benéfico quanto dizem, portanto seu consumo deve ser evitado por quem está tentando emagrecer.

 

– As frutas podem ajudar a emagrecer? Verdade!

Inúmeros estudos relacionam o consumo de fibras a uma redução das medidas. Isso porque as fibras absorvem água e aumentam o bolo alimentar, trazendo mais saciedade e auxiliando na eliminação de toxinas.

Os diversos fitonutrientes das frutas também colaboram com o processo, uma vez que minimizam o estresse oxidativo e reduzem as inflamações.

As frutas também ajudam a emagrecer quando são utilizadas como uma alternativa menos calórica aos doces e outras guloseimas calóricas.

Uma maçã contém menos de 100 calorias e proporciona mais saciedade que um bombom, que ainda por cima é 15% mais calórico que a fruta.

Frutas secas são muito calóricas? Verdade!

Cada 100 gramas de frutas secas contém, em média, 300 calorias, que são basicamente frutose concentrada. Ainda que apresentem um bom teor de fibras, as frutas secas não trazem a mesma saciedade das frutas frescas, pois o volume que ocupam no estômago é bem menor.

Além disso, como já vimos, o alto teor de açúcar nas frutas desidratadas causa um grande impacto na glicemia, o que pode levar a um aumento no apetite e a um maior acúmulo de gordura.

Isso significa que as frutas secas devem ser evitadas durante as dietas de emagrecimento – até mesmo porque é preferível consumir a fruta fresca, com maior teor de água e capacidade de saciedade.

 

– Frutas podem ser consumidas à vontade? Mito!

Há alguns anos o programa de emagrecimento Vigilantes do Peso passou a considerar a maioria das frutas como sendo “zero pontos”. Na prática, isso significa que o consumo de frutas estaria quase que liberado para os seguidores da famosa dieta.

Essa decisão atraiu a crítica de muitos profissionais da área da saúde, que viram na liberação uma oportunidade para o consumo exagerado de frutose e um risco elevado de desenvolvimento de diabetes e esteatose hepática.

Um estudo conduzido na Universidade de Lausanne na Suíça parece confirmar o temor da comunidade médica. Na pesquisa desenvolvida com 16 participantes, pesquisadores observaram os efeitos no organismo de um consumo diário de 3,5 gramas de frutose por quilo de peso corporal.

Ao final de uma semana, exames demonstraram que os voluntários apresentavam um aumento nos depósitos de gordura no fígado, bem como uma elevação nas taxas de triglicérides e redução na sensibilidade à insulina.

Ainda que a pesquisa tenha sido desenvolvida com um número pequeno de participantes e a quantidade de frutose administrada estivesse muito acima do consumo médio de um adulto, é possível inferir que de fato o consumo sem moderação de muita fruta engorda e pode trazer alguns prejuízos à saúde.

Note que não se trata de afirmar que fruta faz mal, mas sim de compreender que o excesso de frutose pode ser nocivo ao organismo.

 

PARE DE CHORAR!

depressao2.gif

 

Antes eu chegava a ver o choro como modo de fraqueza. 

Hoje vejo o choro como forma de necessidade! Assim como a Tristeza se mostrou necessária em Divertida Mente (filme de animação).

Chorar não te faz mais fraco ou mais indefeso. Chorar é da nossa natureza, assim como sorrir, gargalhar, brincar e ficar estressado. Acho que muitas pessoas já aguentaram muita coisa pra obedecer a regra do “NÃO CHORE!” agora .

Chore. Se permita sentir e descobrir que está vivo.

Amanhã vai ser melhor. Eu acredito.

Se tiver com algo entalado ou algum pensamento ou sentimento ruim dentro de você, pode chorar. 

Qual o problema? =)

 

Dedicado à Lidia Cordeiros (a madrinha do meu yorkshire rs)

Ana e Mia querem me abandonar- Help

Resultado de imagem para borboleta fugindo de pessoa

Não, não é isso que está acontecendo. 

Fiz um post que se liga a esse. Você pode acessar o link clicando à baixo:

 

Por que não consigo mais emagrecer com a Ana e Mia?

 

  Você pode achar que não tem nexo com sua pergunta desesperada de O PORQUÊ DA ANA E MIA TE ABANDONAREM, mas não é a questão de elas terem te “abandonado” e sim outras coisas. Clique no link e entenda.

.

.

Agradeço à pessoa que pesquisou isso no blog.

Vocês fazem o Liberta da Ana e Mia!

 

Emagrecendo com limão e gengibre

Resultado de imagem para limão e gengibre

Um copo de água quente com limão na parte da manhã ajuda a ativar a termogênese – desenvolvimento regular e contínuo de calor no organismo –, o que torna o nosso corpo mais propenso à queima de gordura.

A raiz de gengibre é outro importante ativador de queima de gordura, especialmente na área da barriga, auxiliando na obtenção de um abdômen mais liso.

Se você estiver pensando em perder peso, a sugestão é para que você aprenda a modificar seus hábitos diários: melhorar sua dieta, se envolver em um estilo de vida mais ativo, e ingerir essa mistura dos deuses.

Hoje, vamos falar em cinco maneiras de como a simples adição de limão e gengibre vão te dar aquele reforço na queima da gordura corporal.

Perder peso com limão e gengibre é possível.                                         

É óbvio que não existem fórmulas milagrosas, toda dieta requer um determinado esforço de nossa parte. Se você mantiver a ingestão de limão e gengibre e continuar exagerando nos alimentos com alto teor de gordura ou ingerir açúcar com garra e com vontade, pode até perder medidas, mas logo voltar a ganhá-las, no chamado efeito sanfona: incha-desincha, engorda-emagrece. O mais adequado é manter a dieta.

 

Perda de peso com limão

Além de ajudar na perda de peso, o limão é excelente para a saúde em geral. Rico em vitamina C, antioxidante, e sua acidez ainda melhora a digestão e ajuda a proteger o fígado.

Há um pouco mais nos benefícios do limão: propriedades diuréticas; é desintoxicante e ativa a queima de gordura corporal.

 

 Perda de peso com raiz de gengibre

É ideal para reduzir inflamações, melhorar a digestão, reduzir o colesterol, para o relaxamento de modo geral e na queima de gordura do corpo.

Alguns o utilizam como desengordurante para dissolver a gordura da barriga e na obtenção de um abdômen pleno.

Mas, há que se ter certo comedimento com relação a essa raiz tão ‘quente’, e colocar a porção equivalente a uma pequena colher de café, e ainda fazer descansos de tempos em tempos de sua utilização.

Como também é termogênico, o gengibre contribui sobremaneira para elevar a temperatura corporal, aliado ao limão que também eleva a temperatura do corpo, as moléculas de gordura definitivamente não vão ter a menor chance!!!

 

Veja aqui 5 maneiras de perder peso com o uso de gengibre e limão

Ame-se.

Branco.

Negro.

Pardo.

Amarelo.

Verde.

ROXO!

BRANCO COM PRETO…

DANE-SE!

AME-SE!

Resultado de imagem para pessoas de varias cores

Bora parar de se importar né?

Amiga, chegá cá…
BORA PARAR DE SE IMPORTAR DEMAIS COM O OUTRO NÉ?
O QUE VOCÊ GOSTA? O QUE VOCÊ QUER? O QUE VOCÊ ACHA DE SI MESMA?

NO FINAL, TUDO ISSO É O QUE IMPORTA: VOCÊ.
ENTÃO SOLTA UM BEIJINHO E DESCUBRA QUEM VOCÊ É!

Resultado de imagem

Faça sua pergunta

Link para perguntas:

http://against-anorexia-and-bulimia-br.tumblr.com/ask

VOCÊ SE LEMBRA?

mensagens_felizes.jpg

Vamos, diga a verdade…
Você se lembra quando sorriu com sinceridade?
Se você se lembra, parabéns! Você faz parte do meu grupo de porcentagem que não tem que lidar com um problema todos os dias -ou é guerreiro o suficiente para sorrir em meio a lutas-.
Se você NÃO se lembra… Se esforce mais um pouco. Faça um esforço para que seu cérebro relembre o momento -ou momentos- que você foi realmente feliz. Quando seu sorriso era espontâneo e seu “estou bem” era sincero.
Por que as pessoas mentem tanto na resposta de “Oi, tudo bem?”
Será porque estão todos escorregando para um abismo de tristeza e se negam a gritar pedindo socorro? Ou porque estão se fechando tanto que a resposta “tudo bem” é automática? Muitas teorias rodam na minha mente o POR QUÊ de mesmo chorando, mesmo passando por problemas, mesmo com dores de cabeça ou qualquer outra dor o seu “tudo bem” é automático.
Me vi fazendo isso várias vezes até que parei para pensar. Eu nunca respondi sinceramente o “tudo bem?” das pessoas. Eu nem sequer pensava na resposta e ela já saía da minha boca. Se você é assim, PARE COM ISSO.
PENSE antes de RESPONDER.
Algumas pessoas realmente não devem saber da nossa vida particular, mas pro seu melhor amigo… pra sua mãe.. seu pai.. ou seja lá quem é digno da sua confiança e afeto: FALE A VERDADE. Como fazer isso? PRATIQUE. E depois me mande um e-mail dizendo como está se saindo! Eu não escrevo tanto à toa… rsrs

Pequeno desabafo

  Faz mais ou menos 1 semana que conheci uma garota de 25 anos, ela me pedia ajuda para ser como as anas e mias. Ela, assim como muitas pessoas que pedem ajuda para se tornarem doentes não sabem de absolutamente nada sobre anorexia e bulimia. Já disse isso em outro post, mas preciso repetir: você não precisa ser um especialista, mas deve entender que isso é mais que um “estilo de vida”, é  uma doença. Só porque é psicológica não quer dizer que não seja uma doença assim como qualquer outra.

  Vi num blog de uma ana que ela mesmo diz que isso é uma doença. Não se pode amanhecer numa segunda-feira e decidir “vou ser anoréxica🙂 ” não é assim que funciona. Anorexia e bulimia, além da depressão, automutilação, etc se desenvolve por um motivo-ou vários. 

  História de bullying, estupro, baixa autoestima e problemas familiares são um alguns deles. Nenhuma pessoa sã decide se  automutilar de um dia para o outro sem haver um motivo.

Então, pense:

 

Por que quero ser ana?

Por que quero ser mia?

Por que quero me machucar?

 

  E não aceito as seguintes respostas: “porque sou gorda.” ,”porque minha vida é uma merda” é uma merda por que? 

“Ah, meu namorado me traiu. ”    

                                                                                     Resultado de imagem para revirando os olhos gif

   

PLEASE, PARE!

   Acho que não é somente eu que está de saco cheio de pessoas que decidem se machucar por coisas tão estúpidas. E na maioria das vezes, meninas de 9-14 anos por causa do “namoradinho da quarta série”.

ISSO NÃO É BRINCADEIRA!! 

DEPRESSÃO É UMA COISA SÉRIA! PARE DE QUERER CHAMAR ATENÇÃO.

   Existe pessoas que precisam de ajuda, não queira esse tipo de “atenção” pra você. Além do mais, se você é uma dessas pessoas, realmente você deve ter algum problema. Déficit de atenção? talvez..mas isso seria uma doença séria e você só quer ser “admirada”.

 

“Olha aqui o que eu faço comigo, olha! Me corto toda!”– essa foi uma frase que uma menina disse dentro da sala de aula pra todos os colegas dela. Ela não sofre de automutilação, ela faz isso puramente para chamar atenção. Ou você acha que uma pessoa que se machuca iria mostrar pra SALA DE AULA INTEIRA que se machuca ? Na maior tranquilidade? Sério?

.Resultado de imagem para revirando os olhos gif

.

VAMOS PARAR, PLEASE!

Ana e Mia: Como não perder o controle?

  Muitas pessoas -tanto meninas, quanto meninos- estam conhecendo o Labirinto da Anorexia e Bulimia agora e estão cheios de perguntas e uma delas é “como não perder o controle?” Sendo que existem 2 sentidos para essa pergunta. O primeiro é “como não perder o controle para NÃO comer?” e o segundo, “como não perder o controle sobre a anorexia?” Hoje vamos falar desse segundo.

Vamos por tópicos: 

  1. Você vai perder o controle sobre a anorexia e bulimia em pouco tempo. Por experiência própria, levei dois meses para perder o total controle sobre Ana e Mia.
  2. Anorexia e Bulimia são doenças. Você já viu alguém controlar a própria doença?Alguém pode controlar seu câncer de se espalhar pelo corpo? Acho que não..
  3. Se informe. Muitas pessoas, e arrisco a dizer, 97% dos anoréxicos e bulímicos não sabem tudo sobre Ana e Mia. Não estou falando que você precisa ser um especialista, mas você ter uma mínima noção do que pode acontecer com o seu corpo em razão da falta de nutrientes e o vômito induzido, é importante pra você não ser um “ana e mia” por pura modinha (e como tem gente sem noção que decide de um dia pra noite ser anoréxico e bulímico…aff)
  4. Anorexia vai tomar total controle sobre sua vida. Você se afastará de amigos, da sua família e deixará de fazer coisas que você ama. Eu quase perdi tudo, por pouco não perdi minha própria vida por causa da Ana e Mia. Saiba aonde você está se metendo. ANOREXIA E BULIMIA SÃO DOENÇAS !!!! Reconheça isso, antes de pedir ajuda em blogs pró ana e mia desesperadamente só porque acha isso “legal” ou pra chamar atenção -tem muitos assim.

O post hoje foi pequeno porque a resposta é simples: É IMPOSSÍVEL VOCÊ SER ANA E MIA E AINDA SIM ESTAR NO CONTROLE DE TUDO.

.

Responda a enquete:

 Você sente que não tem mais controle sobre a anorexia?

.

.

.

.

.

E S T E   P O S T   É   B A S E A D O   E M   U M A   D A S   P E S Q U I S A S

F E I T A S   N O  B L O G

Meus sinceros agradecimentos a quem pesquisou isso, que deu origem ao post.

Quanto vale sua liberdade?

  Às vezes, pode ocorrer de alguém esquecer que eu já passei pela anorexia e bulimia e, consequentemente-graças a Deus- passei pelo “pedágio da liberdade”.

PERA.. QUE QUE ISSO GABRIELE?? PEDÁGIO DA LIBERDADE?? Ã?

Resultado de imagem para pensando

KEEP CALM QUE EU EXPLICO!

  O “pedágio da liberdade”, como eu chamo, é basicamente o momento em que todos descobrem que você é anoréxico e/ou bulímico e você é meio que obrigado a fazer o        TRA-TA-MEN-TO.

Aí vem os pensamentos: “mas E SE eu engordar?” “E SE todos me criticarem?” “ E SE…”

E SE NADA AMIGA(O)! TIRA O “E SE..” DA TUA VIDA! 

Vamos recapitular o que vai ou já está acontecendo na sua vida:

  1. O tratamento não é o fim do mundo.
  2. O tratamento é um direito seu. Sim, eu disse que você é meio que obrigado a fazê-lo, mas do que adianta o tratamento se a pessoa não coopera?
  3. PARE de pensar na balança. A balança não diz o quanto de gordura tem no seu corpo, ela diz apenas o “peso” do seu corpo em relação a gravidade (acho que é isso, me corrijam se eu estiver errada, sou escritora e não estudante de física)
  4. Pare de pensar um pouco em você. Sim, pense nas pessoas que estão te obrigando a fazer o tratamento e pense: essas pessoas me amam? Se a resposta for sim, então…por que elas estão te obrigando a fazer o tratamento ? Por que estão querendo que você se livre da Ana/ Mia?
  5. Volte a pensar no porquê de você ter entrado no Labirinto dos transtornos alimentares. “Porque eu sou gorda!” Não amiga.. não.. tem uma ferida por trás de cada transtorno, procure o seu. P.S  Um psicólogo irá te ajudar nisso.
  6. Dê uma chance ao tratamento. Dê uma chance ao psicólogo, diga a ele o porquê de você ter se tornado ana/mia e especialmente, diga como se sente. Em relação a estar sendo obrigado a fazer o tratamento, em relação como se sente quando cumpri os mandamentos da Ana.. enfim. Sobre tudo! Diga tudo o que está cravado dentro de você! Isso alivia tanto que você vai querer morar com o psicólogo! *risos
  7. Se permita ser ajudada. Eu sei o quanto isso à príncipio parece louco, mas acredite é pro seu bem. Imagine você ver seu filho indo para a passarela da morte. Ah, please, você sabe que anorexia é uma doença. E sabe que tudo isso é errado. Se permita ser ajudada por quem ama você, está bem?

TENHO CERTEZA QUE VOCÊ VAI MELHORAR!! E VOLTE PRA CONTAR A SUA SUPERAÇÃO!!

BORBOLETAS SÃO LIVRES!

download-1

s   u r u   o   u   : ã o   .

Resultado de imagem para nao desista

Automassagem para perder barriga?

Resultado de imagem para cara de surpresa

   A automassagem para perder barriga é uma ótima aliada para emagrecer porque ela mobiliza o tecido gorduroso, melhorando o contorno corporal. Além disso, a automassagem para perder barriga ajuda a:

  • Drenar o líquido acumulado junto da gordura da barriga;
  • Diminuir a flacidez da barriga;
  • Eliminar a celulite da barriga;
  • Promover o bem-estar.

A automassagem para perder barriga deve ser feita com a mulher em pé, com a coluna direita, de frente para o espelho, após o banho e com um creme para perder barriga, preferencialmente. Os movimentos devem ser realizados com alguma força e firmeza para conseguir ter bons resultados.

As imagens seguintes mostram o passo a passo da automassagem para perder barriga:

Automassagem para perder barriga

Imagem 1: Aquecimento

Espalhe pouco creme nas mãos e distribua em todo o abdômen. Com a palma das mãos, faça movimentos circulares no sentido horário ao redor do umbigo, alternando-as e depois com as mãos sobrepostas, como mostra a imagem 1. Repita os movimentos entre 10 a 15 vezes.

Automassagem para perder barriga

Imagem 2: Deslizamento

Massageie a parte lateral do abdômen usando as duas mãos, intercalando-as, de cima para baixo, pressionando sempre até chegar ao quadril, tanto para o lado direito como para o esquerdo, como mostra a imagem 2. Repita os movimentos entre 10 a 15 vezes.

Continuar lendo Automassagem para perder barriga?

Ajuda para sair da anorexia e bulimia- 2

Resultado de imagem para contra anorexia

Fantasmas que nos acompanham

   Cada um de nós ou pelo menos a maioria das pessoas têm seus “fantasmas”. E não estou falando daqueles fantasmas que só fazem “bu!”

Resultado de imagem para fantasmas

 

Estou falando daqueles fantasmas que te atormentam quando você fica sozinho. 

   Aqueles fantasmas que todo dia estão no seu ouvido repetindo as mesmas palavras cruéis que você ouviu da sua mãe ou do seu colega de escola. As mesmas palavras quase foram esquecidas por você, mas esses fantasmas estão aí para tirar o seu sono e sua paz. Não vai ser fácil se livrar deles, quer dizer, depende muito de você. 

  Tive contato com muitas meninas que tem depressão. Por que elas têm depressão?  A história é praticamente a mesma: palavras que a machucaram. E o pior, vindo de quem elas mais amam (mãe/pai) .  

 

Quando você recebe uma crítica de quem você não conhece, você pode ficar até chateado a princípio, mas depois você esquece! Certo? 

 

E quando a crítica vem do seu pai?  

Ou da sua mãe? Ou do seu amigo? 

Ou… 

Enfim! 

Você esquece? 

NÃO! VOCÊ GUARDA. E SE UM DIA A CRÍTICA FOR ESQUECIDA, A DOR CONTINUA.  

ELA NÃO É ESQUECIDA, ELA É SENTIDA.  

   E AÍ VOCÊ VAI PARAR NO PSICÓLOGO PRA DESCOBRIR, ASSIM COMO EU, PORQUÊ ESTÁ EM DEPRESSÃO. 

 

Resultado de imagem para dinamite gif 

Levei tempo pra aprender que suas palavras estão

                carregadas de dinamite!

 

 

  Você pode ferir hoje fisicamente alguém, mas amanhã alguém pode te ferir apenas dizendo poucas palavras. E essa dor dói beeeeeem mais!

  Uma pessoa pode passar anos da sua vida em depressão pelo simples fato de um dia, ela ter ouvido de alguém importante pra ela: “você não presta!”/ “você nunca vai conseguir fazer isso” / “você é um imprestável!” / “seu burro!” / “era pra você ter morrido ao nascer!”…etc..etc..

 

 

PALAVRAS FEREM.

E PALAVRAS CURAM.

 

 

 

••••••• QUAIS SÃO SEUS FANTASMAS? •••••••

 

e-mail: antianamia@outlook.com.br

 

 

Quando você aprende a se odiar- parte 2

  Resultado de imagem para mulher bonita
“Sabe, não é que eu seja fútil: eu nem queria ser admirada pela beleza. Só queria não ser rejeitada e só queria não me rejeitar por conta da aparência. Acho essa história de beleza interior a mais cruel das piadas.
    Por enquanto, continuo nos dolorosos e CAROS tratamentos estéticos e tentando juntar dinheiro para as plásticas. É triste… Mas a auto-estima nem sempre é tão fácil de se ter quando a gente está fora do padrão. A maior crueldade de todas é que a gente aprende a se odiar.
   Eu sou dessas que sofrem e sofrem e sofrem por conta do corpo. Como já contei, até hoje tenho problemas que não passam. Sinto-me excluída do mundo, pois a beleza, que me falta, é fundamental para a felicidade. Para ter um bom emprego, é necessário ter uma boa aparência.
    E a vida amorosa, então? Todos os dias publicam-se matérias sobre como a BELEZA está em primeiro lugar para homens. Eu tenho problemas sexuais, não pelo sexo em si, mas pela não aceitação de meu corpo. Não fico nua na frente de ninguém. Não vou à praia. Não coloco biquíni. Nunca. Tenho horror por meu corpo e achei que as plásticas e tratamentos estéticos ajudariam,  mas parecem mais fábricas de ilusões.
Daqui a poucos anos, terei 30 anos de idade. E ainda não superei o bullying, ainda não aceitei meu corpo, ainda não desaprendi a me odiar.
Quantas mulheres você conhece que gostam do seu próprio corpo? Eu conheço pouquíssimas.”

Diga a si mesmo todos os dias que você é ótima, que você é amada, que você é linda, que você pode vencer tudo! ”

-Gabriele Meireles (Criadora do site Liberta da Ana e Mia)

O BLOG TRATA SOBRE SEGUINTES TEMAS: ANOREXIA, BULIMIA, DEPRESSÃO ,TRANSTORNO DE ANSIEDADE, AUTOMUTILAÇÃO E MUITO MAIS +

%d blogueiros gostam disto: