Textos, notas, citações e mais!

Respondendo comentários

 Resultado de imagem para comentarios

O seguinte post não foi editado, seguindo à risca as palavras digitadas pelo (a) autor (a) :

 

Tenho depressão desde os meus 7 anos… hj tenho 15, no último feriado de abril deste ano minha família descobriu que eu cortava e queimava minhas costas barriga e tirava sangue de mim. E todos me julgaram, criticaram e gritaram cmg, e além disse eles espalharam pro bairro todo e depois disso tudo, minha depressão só aumentou… Eu sempre fingir ser a menina mais feliz do mundo, e agora tenho q fingir melhor ainda e agora tbm tenho que suportar calada os olhares de nojinho… dia 7 vou ter minha primeira consulta com o psicólogo, mas n acredito q esses médicos vão me ajudar em mt coisa… ando tendo crises de ansiedade e etc… Tenho q viver pra agradar os outros. Se eu n aceito solar um hino na união sou a pior pessoa do mundo só pq tem poucos membros no grupo… e etc e etc… SÓ QUEM TEM Q ENTENDE.

P. F

 

Resposta:

Primeiro, tudo que fizeram com você de te julgarem e te criticarem, etc se chama PSICOFOBIA e isto é um crime. Como moramos no Brasil e nunca ouvi falar ou nem mesmo eu fui ao tribunal para ver como é o processo de pena, não posso dizer que tenho a certeza que isso funcionará. Mas saiba que isso é CRIME.

Segundo, não cometa o mesmo erro que eu ao ir ao psicólogo e não acreditar que ele posso te ajudar. É como uma professora tentando ao máximo ensinar um aluno que não quer aprender a matéria e nem acredita que possa entendê-la. Não adiantará de nada, entende? Vá a primeira consulta com 2 pensamentos na cabeça:

1- Independente de qualquer coisa, eu tenho que me sentir realmente confortável ao falar dos meus problemas para ele/ela

OBS.: Nem sempre o primeiro psicólogo que vai ter uma ‘química’ com você. Não pense que se não der certo na primeira vez com aquele psicólogo específico, não vai dar certo a psicoterapia. Procure aquele em que você se sentir mais confortável (no meu caso foi na 3a psicóloga – 2° ,pq descartei a outra (tadinha…rs) )

2- Não se feche e nem bloquei sua mente para a psicoterapia.

Por último, não veja os remédios ou a psicoterapia de uma forma negativa. Eles estão aí para ajudar pessoas como nós a ter uma vida melhor, os veja (digo dos remédios) como auxiliadores (…).

 

 

Textos, notas, citações e mais!

Antidepressivo é apenas usado para depressão. Será?

Resultado de imagem para pergunta

E a respota é…

é… 

NÃO.

 

O antidepressivo vai muito mais além do que um remédio para depressão. Conheça agora para que mais o antidepressivo é indicado:

  1. Transtorno de ansiedade
    Resultado de imagem para ansiedade generalizada

  2. Transtornos alimentares
    Resultado de imagem para transtornos alimentares

  3. Distúrbios do sono
    Resultado de imagem para disturbio do sono

  4. Disfunção sexual
    Resultado de imagem para disfunção sexual

  5. Dor crônica
    Resultado de imagem para dor cronica

  6. Adicção
    Resultado de imagem para adicçao

  7. Mal de Parkinson.

Resultado de imagem para mal de parkinson

 

E aí?

Foi só eu que me impressionei com o poder do antidepressivo? (disfução sexual foi o alvo – risos – )

 

 

Textos, notas, citações e mais!

Quando o querer se torna obsessão

VOOLTEEI MEUS AMORES! Sei que estavam sentindo falta dos textões e de todas as postagens criativas e que sempre são verdadeiras aqui no blog.

Voltamos hoje com:

Q u a n d o   o   q u e r e r   s e   t o r n a  o b s e s s ã o

Resultado de imagem para obsessão

Todos, em algum momento, já quiseram mudar algo no seu próprio corpo. Até aí, tudo bem! Isso é perfeitamente normal querer melhorar algo em nós, e isto, chega a ser até inocente de nossa parte.

Mas quando o querer mudar se torna uma obsessão?

São vários os mecanismos que nos colocam em frente ao espelho e nos fazem comparar a nós mesmos com a imagem de perfeição que foi passada através da mídia.

E considerando que crescemos vendo modelos magrinhas e 98% dos que compõe a TV também belos e MAGROS, isto (imagem abaixo) se torna a verdadeira beleza.

anigif

Faz alguns anos que decidi que vou ajudar as pessoas através da psiquiatria e, sintam pena de mim, imaginem a cena:

Uma garota de 16 anos no meu consultório sendo diagnosticada com transtornos alimentares. 

Foram 16 anos que essa menina passou vendo na Tv que modelos tem que ser altas, lindas e magras. Qualquer programa que exibisse uma seleção de modelos era sempre a mesma coisa: a que tinha uma mísera gordurinha a mais nos lados era desclassificada. Ela teria que emagrecer mais ainda para conseguir o seu sonho de desfilar nas passarelas, mas quem mandou se inscrever numa seleção de modelos tendo 1,76cm de altura e 52kg? É UM ABSURDO! [ironia]

Agora imagine o trabalho que todos os psiquiatras e psicólogos do mundo tem ao se deparar com casos como esse. Seria muito fácil pra você convencer uma pessoa que tudo que ela acreditou até agora é errado ou particular de cada um?

Você pode escolher ser magro e a outra pessoa escolher ser gorda (“Ninguém escolhe ser gorda”). Você pode não escolher ser gordo ou magro quando nasce, mas pode escolher entre se sentir bem ou não com o corpo que tem e que se dane o que a mídia promove o que é “bonito”.

Até porque, quem manda no seu corpo é você ou outras pessoas?

Resultado de imagem para se ame

.

.

.

.

Love yourself

.

.

.

.

.

Textos, notas, citações e mais!

Não chorem, eu volto!

Resultado de imagem para de férias

 

 Poisé meus amores, eu tô de férias (decidi agora) ! \0/

Não se preocupem que estou preparando muita coisa legal pra vocês tá bem?