Textos, notas, citações e mais!

Escolhas, Views e blog pró ana (leia até o final)

Não sei se é um bom ano pro blog, mas é um ano diferente pra mim. As visualizações, os visitantes deveriam estar maiores que ano passado, mas não chegamos nem a metade do número de views. Estamos na metade de 2018 e não sei se esse vai ser um ano bom pro blog .

Eu sei o que 40% dos visitantes querem, mas eu me recuso a fazer. Eu poderia transformar este blog anti ana para PRÓ ANA E MIA ,sei que bateríamos o record de visualizações em poucos dias. Mas não posso fazer isso. É como ensinar a quem quer se matar o local exato do corte para não haver “acidentes”.

Meu blog nunca foi pró ana e mia e não é agora que vou mudar, mesmo que o número de visualizações caia.

Eu sinto muito à todos os donos de blog, grupo no whatsapp e no Facebook de pró ana e mia, pois são tão doentes quanto os que são “liderados”.

Textos, notas, citações e mais!

Eu não queria escrever isso

Notei que meus últimos posts só vem falando de mim. Nenhum ajuda vocês ou acrescenta algo bom no dia dos meus leitores, então eu realmente sinto muito.

Sinto muito por estar escrevendo isto, sinto muito por esquecer do meu propósito ao criei o blog, sinto muito por falar tanto de mim. Acho que desaprendi a ajudar as pessoas e estou falando dos meus problemas no blog fingindo pra mim mesma que eles podem ajudar de certa forma alguém.

Sinto muito. Sinto muito mesmo.

Textos, notas, citações e mais!

Uma palavra à minha melhor amiga

Eu não me sinto estável a algumas semanas e eu não vou pular do precipício. Eu quero continuar mais um pouco, tentar mais um pouco. Eu sinto que você só está esperando a gota final pra pular naquelas pedras lá embaixo, uma “aprovação” minha, uma quebra da nossa promessa. Eu sinto tanta dor quanto você, mas mesmo te entendendo e sentindo o que você sente eu não sei o que fazer. Sei que nada ao redor pode nos salvar, eu não enxergo além da depressão pra poder te ajudar mais. Meu colo, minha amizade é muito pouco pra você e eu sinto muito não fazer mais.
Estamos hipnotizadas pelo mar batendo forte nas rochas e a depressão nunca foi tão próxima. É como se ela estivesse do nosso lado, no nosso meio, à beira do precipício. Fingindo ser uma de nós e confiamos nela pra ser nossa fala e nosso pensamento porque não há outra opção, pelo menos não vemos ninguém no horizonte…
Mesmo estando mal, mesmo querendo me trancar no quarto como na primeira vez que nos encontramos, eu não vou fazer isso. Talvez, quase certamente, um dia eu pule. Um dia você pule. Mas ninguém poderá falar que não tentamos

.

Textos, notas, citações e mais!

Se ame pra depois amar

Resultado de imagem para se ame

 

Muitas meninas entram no Labirinto dos transtornos alimentares por questões amorosas. Ver o garoto (a) que se gosta não te dar ”bola” faz você pensar em mil e uma coisas, inclusive o motivo disso e é a partir daí que você analisa suas características físicas e as põe como defeitos e então fica assim:

MOTIVOS PRA ELE NÃO GOSTAR DE MIM

-Sou gorda

-Sou feia

-Meu cabelo é feio

-Eu tenho pele escura

-Eu sou burra

-Seria melhor se eu fosse alta

-Ele gosta de meninas altas e magras, por isso está sempre cercado delas e se ele não olha pra mim significa que eu sou baixa demais, gorda demais, feia demais, escura demais……………

Posso chutar uma estimativa que de 10 meninas anas e mias, 8 entraram nesse labirinto por questões de autoestima relacionado a vida amorosa.

Você não TEM QUE SER de certa forma pra ser atraente. Se ele (a) não te olha, não significa que você é horrorosa. Às vezes, senão, quase sempre, nossa mente adora pregar peças em nós e anos depois vemos que não era aquilo que pensávamos na verdade..

Você tem que se amar para depois amar.

 

Textos, notas, citações e mais!

Um… desabafo?

Eu fiz de novo. Não pude me conter, é quase como se fosse uma obsessão.

Automutilação não se faz somente com ferimentos externos/físicos, se faz também quando você se diminui, quando você olha para o outro e pensa por horas “Por que a vida dele é tão melhor que a minha?” ou “Por que ele é feliz e eu não?” ou “Por que não eu, também?” . Perguntas, formulações de frases que machucam muitas vezes mais que um corte ou uma pancada.

Talvez todos nós devêssemos olhar um pouco pra nós mesmo com um pouco mais de carinho. Enxergar que, poxa, nossa vida não é tão devastadora assim. Claro que temos nossos altos e muitos  m u i t o s  baiixos, mas olhando para o MEU agora, eu posso ver que:

a) Eu já estive muito pior que isso. Eu já suportei muita mais que isso.

b) Eu não tenho  que me comparar com ninguém. Por mais perfeito e excitante que a vida de fulano seja, você não enxerga no outro a luta, o choro, a perda, a dor. Inacreditavelmente nos comparamos a seres inexistentes, porém vivos e eternos somente na nossa mente. 

c) Eu posso ser e fazer o que eu quiser. Já passou o tempo de luto, eu estou me reerguendo de um modo que eu nunca sonharia! Eu voltei a levantar da cama com um pouco mais de prazer. Eu voltei a sonhar nem que seja com algo tão pequeno como a dança, o ballet. Voltando a cada dia aos poucos daquela pessoa que eu quero ser. Isso é inigualável.

Imagem relacionada

d) Eu posso cair, mas eu já passei por tanta coisa em 19 anos que, todo o mal que a vida possa me fazer não será capaz de romper com o emocional forte e inabalável que eu estou criando a cada vez que levanto da cama, a cada vez que decido fazer algo por mim, a cada vez que eu saio de casa e escolho viver um novo HOJE. São minhas pequenas-grandes vitórias e ninguém nunca poderá tirar isso de mim.

Textos, notas, citações e mais!

O pedido de socorro ignorado

Psicólogos veem o suicídio (32 mortes a cada 24 horas) como pedido de socorro ignorado .

Doença afeta 4,4% da população mundial e 5,8% dos brasileiros (cerca de 11,5 milhões de brasileiros), segundo dados da OMS. Brasil é o país com maior prevalência de ansiedade no mundo: 9,3%.

Resultado de imagem para gráfico de ansiedade generalizada

 Brasil é o país com maior prevalência de depressão da América Latina e o segundo com maior prevalência nas Américas, ficando atrás somente dos Estados Unidos, que têm 5,9% de depressivos.

O país com menor prevalência de depressão nas Américas é a Guatemala, onde 3,7% da população tem o transtorno. Já o país com menor prevalência de depressão no mundo, segundo o relatório, são as Ilhas Salomão, na Oceania, onde a depressão atinge 2,9% da população.

Além dos Estados Unidos, os países que têm prevalência de depressão maior do que o Brasil são Austrália (5,9%), Estônia (5,9%) e Ucrânia (6,3%).

.

Brasil é recordista em ansiedade

O número de pessoas com transtornos de ansiedade era de 264 milhões em 2015, com um aumento de 14,9% em relação a 2005. A prevalência na população é de 3,6%. É importante observar que muitas pessoas têm tanto depressão quanto transtornos de ansiedade.

O Brasil é recordista mundial em prevalência de transtornos de ansiedade: 9,3% da população sofre com o problema.

A o   t o d o ,  s ã o   1 8 , 6   m i l h õ e s   d e   p e s s o a s .

 

Suicídio
Em 2015, 788 mil pessoas morreram por suicídio. Isso representou quase 1,5% de todas as mortes no mundo, figurando entre as 20 maiores causas de morte em 2015. Entre jovens de 15 a 29 anos, o suicídio foi a segunda maior causa de morte.

Depressão

Atento a sintomas depressivos

A depressão pode ser caracterizada pelos seguintes pontos:

.
No humor: ansiedade, apatia, culpa, descontentamento geral, desesperança, mudanças de humor, perda de interesse, perda de interesse ou prazer nas atividades, solidão, tristeza, tédio ou sofrimento emocional
.
No comportamento: agitação, automutilação, choro excessivo, irritabilidade ou isolamento social
.
No sono: despertar precoce, excesso de sonolência, insônia ou sono agitado
.
No corpo: fadiga, fome excessiva ou inquietação
.
Na cognição: falta de concentração, lentidão durante atividades ou pensamentos suicidas
.
No peso: ganho de peso ou perda de peso
.
Também é comum: abuso de substâncias ou falta de apetite
.
.
.
Caso quaisquer desses sintomas persistir por mais de 2 semanas consecutivas, procure ajuda profissional.
.
.
Profissionais indicados: Psiquiatra e Psicólogo
Antes e Depois da Anorexia

Antes e depois- anorexia nervosa 13

Antes e Depois da Anorexia

Antes e depois- anorexia nervosa 12

Antes e Depois da Anorexia

Antes e depois- anorexia nervosa 11

Antes e Depois da Anorexia

Antes e depois- anorexia nervosa 10

Antes e Depois da Anorexia

Antes e depois- anorexia nervosa 9

Antes e Depois da Anorexia

Antes e depois- anorexia nervosa 8

Antes e Depois da Anorexia

Antes e depois- anorexia nervosa 7

Antes e Depois da Anorexia

Antes e depois- anorexia nervosa 6

Antes e Depois da Anorexia

Antes e depois- anorexia nervosa 5

Textos, notas, citações e mais!

Como eu engordei 20kg depois da anorexia?

BLOG
Dezembro de 2015                    –                        Abril de 2018

 

Quase três anos depois, ganho de peso: 20kg

Dezembro de 2015 – peso: 47kg

Hoje- peso: 67kg

 

Você fez recovery? 

SIM!!! Eu fiz recovery (do inglês, literalmente, recuperação, ou seja, quando você recupera literalmente o seu corpo, volta a comer e a se alimentar de força saudável para que seu corpo não fique debilitado e assim você volte a ser saudável- p.s Muitos anoréxicos vivem de recovery, há pessoas que tem 10 anos na anorexia e não ficaram 10 anos sem comer. Tem todo um programa a ser seguido, cujo não vou explicar pra não criar semente).

 

O que te ajudou a voltar a ser saudável?

Além dos maravilhosos remédios que me ajudam até hoje a engordar (obrigada SQN), academia foi essencial no primeiro ano de recuperação, foi quando eu ganhei bastante massa muscular bem rápido, além de uma dieta balanceada e muitas besteiras MESMO (eu odiava o que a Ana tinha feito comigo e então eu simplesmente COMI TUDO QUE VIA PELA FRENTE -não, não era compulsão! Mas eu não negava comer todo dia uma besteira, com a razão de que me ajudaria a engordar mais rápido).

Resumidamente:

-Remédios

-Comida

-CO-MI-DA !

 

Você surtou quando viu os números subirem?

Sim e não. Sim, porque eu ainda estava no processo de recovery então eu ainda estava doente, com a mente doente. E não, porque eu precisava daquilo! Eu comi tanto, desesperadamente para me recuperar logo nos primeiros meses que só consegui engordar 1kg.

Depois de alguns meses já na academia consegui ir pra 48,5kg. Depois fui para 51kg (meu peso inicial), não estava muito feliz, mas era notável minha melhora.

Com a musculação e a hipertrofia que eu queria fui para 54kg e então não parei mais (riso nervoso).

 

Você se sente desconfortável com seu corpo?

Desconfortável não é a palavra. Sinto que preciso emagrecer um pouco mais pela minha saúde, pra eu ter mais disposição que o sobrepeso me tira muitas vezes, além da depressão.

 

Considerações finais

Eu comecei a fazer ballet e yoga e alguns exercícios aeróbicos em casa com a finidade de baixar meu IMC -índice de massa corpôrea-, com 67kg meu IMC indica sobrepeso e eu não me sinto bem sabendo disso (mesmo que seja apenas números). Meu peso ideal seria de 46kg à 61kg ,então se eu chegar a 55kg ou ficar nos 60kg eu vou me sentir melhor. 

Eu não odeio mais meu corpo, mas não posso dizer que o amo de todo meu coração. Há coisas que eu quero mudar, porém eu me sinto mais bela desse jeito, com esse peso do que com 47kg da forma da anorexia nervosa. Amo meu cabelo colorido, amo minhas curvas, mas pretendo sempre buscar o melhor pra mim sem denegrir minha saúde física e mental.

Bem, eu estou muito bem (risos)

418.jpg
Smile

 

Antes e Depois da Anorexia

Antes e depois- anorexia nervosa 4

Antes e Depois da Anorexia

Antes e depois- anorexia nervosa 3

Antes e Depois da Anorexia

Antes e depois- anorexia nervosa 2

Textos, notas, citações e mais!

Próximos posts

  1. Antes e depois- anorexia nervosa
  2. Como eu engordei 20kg depois da anorexia?
  3. Eu aprendi a amar meu corpo?
  4. Dicas de como ocupar seu tempo e viver seu AGORA
  5. Texto sobre uma nova fase do meu eu
  6. O que tive que passar depois da anorexia nervosa

 

AGUARDEM!!!

Textos, notas, citações e mais!

Novidade do blog

Até o final desse mês de abril vocês poderão ver 13 pessoas que superaram a anorexia nervosa. Isso será feito através de fotos ANTES e DEPOIS da doença.

OBS.: As fotos foram tiradas de uma página do facebook, segue o link:

Página do Facebook <- clique aqui para ser redirecionado para a página.

 

Fotos assim serão postadas como forma de motivação a superar os     

transtornos alimentares.

Me envie suas fotos!

antianamia@outlook.com.br

Antes e Depois da Anorexia

Antes e depois- anorexia nervosa

A imagem pode conter: 3 pessoas, pessoas sorrindo, área interna

 

 

 

Textos, notas, citações e mais!

Sinais que você encontrou um péssimo psicológo

Resultado de imagem para psicologo1) Sem ética

É normal que os psicólogos procurem estabelecer uma relação empática porque este é um dos pilares da terapia, mas ir mais além é uma violação imperdoável do código de ética. Qualquer gesto ou palavra que se mova ao terreno do romântico ou sexual deve ser um sinal de alarme. O mesmo vale para qualquer tipo de violação da confidencialidade (ou sigilo) ou comentários ofensivos, seja dentro ou fora da consulta.

 

2) Não é especialista no seu problema

Na psicologia existem dezenas de transtornos. É difícil ser um especialista em todos ou manter-se em contato com os avanços de todas as terapias. Um psicólogo que não tenha formação ou experiência no tratamento de determinados problemas pode realizar diagnósticos equivocados e seguir um caminho terapêutico que pode fazer mais mal do que bem. Por isso, antes de começar um processo de psicoterapia, peça as credenciais e pergunte sobre a sua experiência tratando casos semelhantes.

 

3) As recomendações vão contra suas crenças e valores

Um bom terapeuta deve ser capaz de entrar em sintonia com tuas crenças e valores, embora possa não concordar com eles em sua vida pessoal. Em alguns casos, o profissional poderá te ajudar a sair da sua zona de conforto e questionar certas ideias, mas não pode atacar suas crenças mais profundas de modo a fazê-lo entrar em uma crise existencial. Os objetivos da terapia e o caminho a seguir se negociam com o paciente, não são impostos pelo terapeuta.

 

4) Não responde às suas perguntas

Como norma, os psicólogos não dão conselhos porque o paciente poderia tomar os conselhos como normas rígidas a serem seguidas. Sua missão é de ajudar cada pessoa a encontrar seu próprio caminho e a  solução que melhor se adapte ao seu caso. Contudo, isto não implica que não possam responder a algumas perguntas e clarificar certas dúvidas. De fato, a orientação também faz parte da terapia. Portanto, em uma consulta de psicologia o paciente não é o único que deve falar.

5) É muito pessoal

Em alguns casos, com o objetivo de gerar certa cumplicidade, o psicólogo pode compartilhar informações pessoais sobre sua vida pessoal, mas isto não deve se transformar em uma norma. Quando um terapeuta fala demasiado sobre si mesmo, corre o risco de que o paciente imite suas soluções pensando que são as mais adequadas.

 

6) Te julga

Um dos pilares fundamentais de toda psicoterapia é nem julgar nem criticar, mas aceitar o paciente. Contudo, nem todos os terapeutas sabem dominar seus sentimentos e o expressam através de palavras ou pequenos gestos que denotam que não compartilham determinado ponto de vista. Se cada vez que você vai na consulta você se sente julgado e criticado, talvez seja a hora de mudar de psicólogo.

 

7) Minimiza o problema

Quando uma pessoa frequenta uma consulta psicológica está pedindo ajuda porque considera que o seu problema é importante e não sabe como lidar com ele. Se o terapeuta não é capaz de identificar a magnitude do conflito, o abordará de maneira muito simplista propondo ações que talvez atrapalhem mais que ajudem.

 

8) Te faz sentir mal depois das sessões

Em uma ou outra sessão, pode ser que você sinta um amargor, talvez porque tenha tocado um tema sensível. Entretanto, se esta sensação se repete e permanece depois de várias sessões, é provável que a terapia não esteja funcionando. O usual é que os profissionais estruturem a sessão de maneira tal que você sinta que está avançando ou tenha a sensação de maior confiança e esperança nas resoluções das dificuldades.

 

9) É um mal ouvinte

Uma sessão é um encontro que não se deve interromper porque existe o risco de perder a sensação de confiança que havia se criado. Se o terapeuta interrompe as sessões frequentemente, é sinal de que não é muito bom. Outro sinal de alarme é quando não há recordação de pontos importantes do seu caso. Como norma, depois da consulta, o terapeuta deve realizar um relato e trabalhar no caso. Portanto, se não há a lembrança de detalhes relevantes não está fazendo as coisas como deveria.

 

10) A psicoterapia nunca termina

Às vezes a psicoterapia se estende mais do que o planejado, mas quando um psicólogo tem experiência pode estimar com certa precisão quantas sessões serão necessárias. Se a terapia dura vários anos e se sente que não se pode viver sem o seu psicólogo, é provável que tenha sido criada uma relação de dependência. Mas  o papel do psicólogo consiste em dar as ferramentas para que possa enfrentar as diferentes situações, não em criar uma adição, um “vício” nas consultas.

Imagem relacionada

Textos, notas, citações e mais!

Indicações de filmes

Sociopatia_  A ira de um anjo

Problemas causados pela culpa e a falta de sono_  O operário

Depressão_ As faces de Helen

Resultado de imagem para a ira de um anjoResultado de imagem para o operario filmeImagem relacionada

Textos, notas, citações e mais!

Blog abandonado?/ +Aviso

Não meu amores, eu não abandonei o blog (ainda estou viva haha). Eu tenho feito muitos posts explicando a falta de conteúdo aqui no blog, mas sei lá.. Eu não sei se vou postar isso na verdade eu realmente não estou.. 

Estou sem ideias, sem ânimo, não sei até quando os posts antigos vão suprir vocês ,porém ainda estarei aqui. Eu espero…

Os próximos posts serão pegos de outros veículos de comunicação, serão “prontos” porque eu não quero deixar ninguém sem post, mas também não consigo me forçar a ter ideias e escrever um texto original pra vocês. 

Vejam os vídeos, as histórias… Espero que isso seja o suficiente pra vocês até eu, voltar com minhas escritas sinceras e longas que vocês tanto pedem e amam rs

Obrigada pela visita

Um beijinho

Textos, notas, citações e mais!

Tudo bem não estar bem- Fabiola Melo

👍🏻 Tudo bem não estar bem. Tudo bem não conseguir dar conta de tudo sempre. Tudo bem sentir medo. Tudo bem chorar, chora sim, isso não te torna menos poderosa, afinal é preciso ser muito forte para assumir suas fragilidades. Tudo bem se sentir meio perdida em todas as coisas que você gostaria de colocar em prática mas não sabe por onde começar. Tudo bem não conseguir resolver todos os seus problemas, isso não te torna a pessoa mais fracassada do mundo. Tudo bem acordar de mau humor. Tudo bem esquecer a capa de super-heroína em casa. Tudo bem querer jogar tudo pro alto…joga mesmo, joga bem alto até cair nas mãos de Deus. Mas não desista. Não pare de acreditar em dias melhores! Estamos juntas nessa (é aqui que a gente se abraça e sorri)
.
@fabiolamelooficial 

A imagem pode conter: 1 pessoa, óculos e close-up

Textos, notas, citações e mais!

Falando um pouco sobre estupro familiar

É inacreditável como ainda há mães que ignoram a dor da própria filha por ser abusada pelo próprio pai !

Veem o ato nojento e simplesmente dão as costas e saem pela porta, voltando algumas horas depois como se nada tivesse acontecido! E ainda tem a audácia de dizer que não amam a filha ou a culpam pelo o nojento do marido que a abusou.

NUNCA A CULPA É DA VÍTIMA!!!!

Só tenho ódio e repúdio por esses criminosos e essas “mães” que não fazem nada para defesa de seu filho.

Meu carinho, atenção e reconforto a todas as pessoas que estão presas por terem feito justiça com as próprias mãos com seus estrupadores, antes conhecidos como “pais”.

#LiberdadeAosViolados #CrimeFoiFeitoPeloEstrupador #AlertaAsCrianças

Textos, notas, citações e mais!

Cansada

Não aguento mais, nem meu choro quer participar desse inferno que vivo!

Mas todos sabem que chorar alivia muita coisa e no momento só sinto dor sem expressar nada. Eu preciso descansar, estou sobrecarregada como uma nuvem de uma tempestade ..

Me desculpem por não cuidar de vocês, não aguento mais nem cuidar de mim mesma.

Queria explodir, gritar, murrar…

Desculpem, o blog faleceu a muito tempo.. só falta uma idiota como eu falecer também.

Se mantenham firme. Eu acredito na recuperação de cada um de vocês! Pena que não acredito em mim.

Textos, notas, citações e mais!

Nuvem de tempestade

O Sol se esconde em meios as nuvens, elas vêm do norte carregada de fúria e com alto poder de destruição. No meio da manhã já se podem vê-las escuras e sobrecarregadas, isso não tem nada a ver com a mãe natureza, mas com quem as nuvens querem atingir com seu furor.

Ao acordar, tentamos em vão escapar da tempestade. Vamos para o lugar mais distante, onde as nuvens enfurecidas demoram pra chegar, mas isso é inútil e só adiamos o inevitável.

Ao meio dia podemos sentir a tempestade nos atingindo com tamanha violência e olhamos para os lados procurando uma alternativa de torna aquilo menos doloroso, mas como de costume, falhamos. Ao fim da tarde estamos a ponto de explodir em lágrimas, elas se misturam com a dor que se misturam com a tempestade.

À noite, o céu continua negro, porém a tempestade está cessando. Finalmente! Isso passará, certo? Errado. A tempestade fez um terrível desastre e ainda que ela pare por um tempo, continuamos com as sequelas e tentando reconstruir nossa casa. Mas isso passa rápido. Então a nuvem de tempestade domina o céu e não estamos preparados para uma segunda catástrofe, a casa ainda não foi reconstruída e as grandes e fortes gotas de chuva desmorona o pouco que nos restou.

Agora a tempestade parece dez vezes mais forte. Estamos cansados, com medo, sem abrigo, sem ajuda, sem forças e sem vida.

A tempestade é a nossa própria depressão.

T e x t o e s c r i t o p o r G a b r i e l e M e i r e l e s , em 20.02.2018 às 13h13min .

Textos, notas, citações e mais!

Uma terapia alternativa

Faz quase duas semanas que comecei a tratar de mim mesmo com as opções que tenho. Além de voltar a conversar com uma assistente social, resolvi focar em algo que eu havia deixado pra trás a anos: ballet.

A ideia me surgiu logo após um convite pra uma festa à fantasia que ainda vai acontecer e resolvi ir de Cisne Negro. Não poderia vestir tal fantasia sem ter pelo menos algumas aulas básicas de ballet, não fui ao encontro da minha ex professora de ballet clássico e jazz, srta Esqueci Seu Nome (desculpa).

Com tudo que aprendi em todos os anos que dancei, procurei minha sapatilha e comecei a fazer alongamentos que aprendi nas aulas na sala da minha casa. Eu fiquei meio obcecada por conseguir minha ponta e toda minha flexibilidade de volta, talvez ainda esteja haha, mas isso é bom. Vi no terceiro dia seguido de ballet que eu estava ocupando meu tempo e ao invés de pensar mil e uma coisas e ficar trancada no quarto sem motivação alguma pra fazer qualquer coisa, agora tenho um foco e mesmo que seja algo insignificante pra você, o ballet tem me ajudado a me concentrar em outra coisa que não seja minha própria morte.

O caso é: faça algo.

Dance, brinque com seu cachorro, sente na varanda e leia um livro, o simples respirar do lado de fora do seu quarto é uma terapia danada.

Com toda minha sinceridade, enviando energias positivas à todos vocês,

Gabriele Meireles.

Textos, notas, citações e mais!

A morte e a mente

Não é como se eu pensasse na morte o tempo inteiro, todos os dias, todas as semanas, todos os anos… Quer dizer, alguma hora sua mente te dá uma trégua, pode ser de minutos, horas, dias, semanas e até meses. Ou sua mente pode brincar com você e te deixar apenas milésimo de segundo da liberdade. E então quando está prestes a saltar para fora do penhasco, ela te puxa e te prende de novo, rindo da sua tentativa boba de ser alguém normal, viver de forma normal, sem remédios e toda essa coisa.

Me inspirei para escrever esse pequeno texto e sinto muito que os posts recentes venham falar de morte, dor… mas é aquela história :Nunca vou fingir que estou bem, nunca vou mentir para meu público. Agradeço por continuarem comigo. Eu nunca precisei tanto de mensagens incentivadoras como agora.

Só permaneçam vivos.

Textos, notas, citações e mais!

Semana de dores

Essa semana tem sido a mais complicada até agora. Tantos acontecimentos, desastres, estresses, tudo vindo com peso e constância, realmente é uma “baita” de uma semana.

Primeiro a falta de criatividade, depois os pensamentos suicidas, então as dores no coração por conta da Ansiedade, logo então uma crise depressiva, automutilação, choro, morte de um parente, mais choro, mais pensamentos depreciativos, conversa com assistente social, uma ligação…uma ida ao hospital, um encontro com um novo psiquiatra, outros psicólogos..

E finalmente algo positivo paira sobre meus pensamentos: intercâmbio.

Espero que este ano continue sendo um ano de decisões.

Estou no fundo do poço, saí da sombra do fundo do poço. E mesmo que não seja um bom lugar para estar, minha única opção é ir pra cima ☝

Envio pensamentos de encorajamentos pra todos vocês.🍃

Textos, notas, citações e mais!

Tente mesmo assim

Quando a depressão coloca todo peso sobre você e então se encontras no meio do círculo de guerra, sendo ferido pelas pessoas que deveriam te proteger, você pode cogitar em ceder. Mas é exatamente essa a hora de tentar mesmo assim. Tente se levantar da cama por você, sorrir por você, lutar por você.

Faça o que te deixa pelo menos 0,1mm de centímetros do terror da depressão. Tente mesmo assim, mesmo que você não queira ver a luz do Sol.

Tente fazer algo por si mesmo.

Textos, notas, citações e mais!

O Suicídio vs Os Suicidas

O desespero beira o insuportável. A cada dia, o sofrimento – físico ou emocional – fica mais intenso e viver torna-se um fardo pesado e angustiante. Sua dor parece incomunicável; por mais que você tente expressar a tristeza que sente, ninguém parece escutá-lo ou compreendê-lo. A vida perde o sentido. O mundo ao seu redor fica insosso. Você sonha com a possibilidade de fechar os olhos e acordar num mundo totalmente diferente.

No limite, o suicídio não tem explicações objetivas. Agride, estarrece, silencia. Continua sendo tabu, motivo de vergonha ou de condenação, sinônimo de loucura, assunto proibido na conversa com filhos, pais, amigos e até mesmo com o terapeuta. Mas as estatísticas mostram que o suicídio precisa, sim, ser discutido. Trata-se, além de uma expressão inequívoca de sofrimento individual, de um sério problema de saúde pública. Segundo o mais recente relatório da Organização Mundial de Saúde (OMS), cerca de 804 mil pessoas se mataram no ano 2012 no mundo. Isso significa 1 suicídio a cada 40 segundos.

O fato de estar consciente de que vai efetuar um ato suicida não elimina, no entanto, o estado de confusão mental que o indivíduo experimenta momentos antes da ação. “Ele não sabe se quer morrer ou viver, se quer dormir ou ficar acordado, fugir da dor, agredir outra pessoa ou, de fato, encontrar o mundo com o qual fantasia”, diz Roosevelt. Afinal, o suicida tem diante de si duas iniciativas complexas e contraditórias a conciliar naquele momento: tirar a vida e morrer. O suicídio ocorreria, então, num instante em que a pessoa se encontra quase fora de si, fragmentada, com os mecanismos de defesa do ego abalados e, por isso, “livre” para atacar a si mesma.

Continue lendo “O Suicídio vs Os Suicidas”

Textos, notas, citações e mais!

O que você faria?

“Estou entre me proteger da ventania ou fazer dela minha aliada. Saltar  do precipício ou olhar para o pôr do sol à minha frente. Sempre existe dois lados e eu estou explorando todos eles.”

Meireles, Gabriele. 2018.01.16

Este é um trecho que escrevi em outro post aqui no blog e enxerguei nele possibilidades de dar seguimento a essa ideia. Então aqui vamos nós! E vou fazer isso através de uma pequena historia escrita por mim mesma, então não perca a linha do raciocínio.

 

O que você pode fazer?

Existiu em um certo país, a alguns séculos não muito distante do nosso, uma garota que por maldade do destino a fez conhecer uma dor gigantesca. Ela foi abusada sexualmente pelo próprio irmão.

Com toda certeza, ela nao foi a primeira e  nem a ultima pessoa a ser abusada.  Mas foi a primeira a pegar sua dor e transforma-la em algo positivo, inspirador! Nao somente para ela, mas para centenas  de pessoas.

Ela virou palestrante e fez faculdade de psicologia. E em  todas as suas palestras, centenas  de pessoas se inspiraram a pegar sua dor e transformá-la em algo bom, buscando meios de se livravam da dor e do sentimento de culpa. Ela escolheu fazer de uma experiência traumática algo bom para outras pessoas. Ela escolheu ajudar.
Ela poderia  ter feito ao contrario? Poderia. Poderia ter entrado em depressao? Poderia. E isso não seria errado. Cada um lida  com sua dor de uma forma  diferente. Mas quero que saibam que sempre há escolha. Eu tive escolha entre entrar ou não no mundo da Anorexia Nervosa, também tive escolha quanto ao que fazer com minha dor: superar ou me machucar.

Só quero que saibam que além do caminho da dor, existe o caminho do A.S.M

AACEITAÇÃO (quando voce para de chorar  e aceita o que aconteceu, porque nao se pode mudar)

S- SUPERAÇÃO (quando você lembra, mas não desmorona mais pelo ocorrido)

M- MUDANÇA (quando você enxerga novos caminhos e decide pegar aquela cicatriz e transformá-la em lição de vida , ajudando pessoas como você)
Existe dois caminhos. O QUE VOCÊ VAI FAZER?

Textos, notas, citações e mais!

Por onde anda a dona do blog?

Ok, estamos todos de saco cheio da dona aqui não postar tanto quanto antes!

Vamos resolver esse problema!

Preciso que vocês comentem o que querem que eu faça aqui no blog, quais matérias querem que eu escreva.

Estou sem ideias? Sim. Estou com preguiça? Também. E isso tem que mudar!

Preciso que me animem a continuar. Tá difícil manter o ânimo…

Resultado de imagem para gif amiga animando a outra

P.S  preciso de vocês mais do que nunca.. I am Not okay.

 

Finalmente estou tomando certas decisões que vão fazer meu futuro melhor. Estou fazendo coisas por mim mesma, como ir a uma entrevista de modelo (vou contar em outro post). Estou quase onde quero chegar e pretendo voltar com tudo quando a ventania acabar.

Estou entre me proteger da ventania ou fazer dela minha aliada. Saltar  do precipício ou olhar para o pôr do sol à minha frente. Sempre existe dois lados e eu estou explorando todos eles.

 

Com total sinceridade

De uma blogueira que não esquece vocês,

Gabriele Meireles.

 

Textos, notas, citações e mais!

Agradecimento aos países que mais visitam o blog

+73 Países

 

Foram mais de 27 mil visualizações…

Muito Obrigada!

 

Mulheres poderosas

Renata Poskus Vaz é dona do Blog Mulherão e não vê problema algum em ser chamada de gorda

Renata Poskus Vaz, 99 kg e 1,72 m de altura, é dona do Blog Mulherão, que criou há quase 10 anos, como um diário pessoal, em que contava de maneira bem-humorada, as tentativas fracassadas de emagrecimento. Hoje, o site é um canal para a valorização e a autoestima da mulher gorda, palavra que Renata não acha nem um pouco ofensiva.

Aos 35 anos, Renata prova que os negócios relativos ao mercado plus size é um nicho em crescimento
 
Aos 35 anos, Renata prova que os negócios relativos ao mercado plus size é um nicho em crescimento

“Gorda é uma palavra que identifica uma característica física, só isso. Usá-la como um adjetivo normal, adotá-la, empregá-la em frases com seu real significado, ajuda a desconstruir o lado ofensivo que ao longo dos anos foi conferido a essa palavra.”

 

Aos 35 anos, Renata prova que os negócios relativos ao mercado plus size é um nicho em crescimento. Criadora do evento Fashion Weekend Plus Size, que já está em sua 17ª edição, viu o evento crescer de 10 para 16 grifes desde sua primeira edição em 2010, além de aumentar de 15 para 80 modelos plus size e de 400 pessoas para 1,5 mil na plateia. Ela também realiza o Dia de Modelo Plus Size, ensaio fotográfico com mulheres gordas, e o Mulherão Fashion Tour, que terá 40 grifes com vendas diretas ao consumidor final, em dezembro.

Em entrevista ao Terra, Renata fala como a autoestima das pessoas gordas pode ser minada dentro da própria casa, como reagir com bom humor a comentários inconvenientes e que, sim, os gordos podem comer um X-Tudo sem culpa. Confira suas ideias.

 

“Vi que era possível ser um mulherão” 
“No início, o Blog Mulherão era um diário em que eu contava, de maneira bem-humorada, as minhas tentativas fracassadas de emagrecimento. A verdade é que eu já estava cansada de tentar emagrecer. Foram 27 anos tentando atingir o corpo e peso que os outros julgavam ideal para ser feliz, sempre sem sucesso. A cada dieta, eu ficava mais fraca, doente e frustrada. Até que decidi tentar ser feliz como sou. E é aí que o blog fez toda a diferença. Pude contar pelo que passava, rir de mim mesma e me propor a um novo recomeço, com menos encanação com relação ao meu peso e celebrando meu corpo como é. Troquei experiência com outras leitoras e vi que era possível sim realizar o meu sonho de ser um mulherão.”

“Manual de sobrevivência para as mulheres acima do peso” 
“O Manual de Sobrevivência para Mulheres Acima do Peso, slogan do site, é uma brincadeira com quem acha que não é possível ser feliz não tendo as medidas de uma capa de revista. A começar pelo próprio termo: ‘acima do peso’. Sempre reforço que devemos questionar o que é este tal acima do peso. A medicina já comprova que o IMC não é uma medida que de fato indique saúde. Afinal, nem todo magro é saudável e nem todo gordo é doente.

 

Renata Poskus Vaz, 99 kg e 1,72 m de altura, é dona do Blog Mulherão, que criou há quase 10 anos, como um diário pessoal, em que contava de maneira bem-humorada, as tentativas fracassadas de emagrecimento
 
Renata Poskus Vaz, 99 kg e 1,72 m de altura, é dona do Blog Mulherão, que criou há quase 10 anos, como um diário pessoal, em que contava de maneira bem-humorada, as tentativas fracassadas de emagrecimento

“ Sou muito vaidosa, quando eu quero”
“Outro dia eu estava conversando com amigos, no barzinho em frente ao meu prédio, de cara lavada e uma roupa confortável, quando um vizinho com quem nunca conversei na vida e que até então nem sabia que existia, veio me perguntar o que estava acontecendo comigo. Pois, segundo ele, eu andava sempre tão arrumada e agora andava “daquele jeito”. Eu, bem-humorada, respondi: ‘De que jeito? Confortável e feliz?’. Ele ficou sem saber o que falar, então complementei: ‘Eu não tenho obrigação de andar montada 24h por dia para você’. A mulher gorda tem que ter muita autoestima para se permitir comer um X-Tudo na frente de todo mundo, de andar sem maquiagem, chinelo e camisetão. Não temos obrigação de andar superproduzidas o tempo todo para compensar a ausência de um corpo ‘perfeito’. Sou sim, muito vaidosa, adoro uma roupa nova e um salto alto, mas quando eu quero e porque eu quero.”

 

” Não me calo, não ignoro” 
“Cadeiras de plástico já quebraram comigo. Há cadeiras de restaurante com braços em que eu não consigo sentar. Meu vestido já ficou preso na catraca de ônibus. Eu reclamo. Antigamente não reclamaria, pois me sentiria culpada por estar gorda e ficaria com medo de ouvir (como já ocorreu), que a solução seria eu emagrecer. Mas, hoje, penso em mulheres que são maiores que eu, que sofrem de fato a gordofobia todos os dias. Eu não brigo só por mim, brigo por elas. Eu reajo respondendo, encarando. Não me calo, não ignoro.  Ser bem resolvida não nos poupa de escutar de um cara que tem vergonha de se relacionar com a gente, de ouvir piadas de amigos, de não caber em cadeiras… O que muda, quando se tem autoestima, não é o que você vai viver ou escutar, é como reagirá a tudo isso. Não é o fim do mundo.”

 

Gorda, sim 
“Gorda é uma palavra que identifica uma característica física, só isso. Usá-la como um adjetivo normal, adotá-la, empregá-la em frases com seu real significado, ajuda a desconstruir o lado ofensivo que ao longo dos anos foi conferido a essa palavra. Ainda tenho leitoras dando seus primeiros passos rumo ao resgate da autoestima e que se sentem ofendidas com a palavra gorda, me corrigem, dizem que sou mal-educada ao me referir às minhas leitoras gordas como gordas. Eu respondo: ‘Mas você é gorda, aceite’. Elas preferem eufemismos: fofinha, gordinha, cheinha… Repare, são sempre nomes no diminutivo, que nos infantilizam.“

 

“Preguiçosa, relaxada, feia” 
“Quando conheço algum paquera em aplicativo, se refiro-me a mim mesma como gorda, logo escuto: ‘Você não é gorda, é linda”. E respondo: “Eu não disse que era feia, só disse que sou gorda”. Acho importante mostrar para as pessoas a diferença. Crescemos acreditando que a mulher gorda é preguiçosa, relaxada, feia. Então, é comum que homens não queiram assumir que se sentem atraídos por uma mulher gorda. Mesmo que estejam com uma, preferem dizer que estão com um mulherão, uma cavala, uma mulher grandona, nunca usam o termo gorda. Não tenho nada de preguiçosa, trabalho 18 horas por dia. Não sou relaxada, tampouco feia. Aceitar a palavra gorda como uma característica física, um adjetivo, desarmou aqueles que desejavam me ofender e me fez perceber o quanto sou ainda mais especial.”

Renata fala como a autoestima das pessoas gordas pode ser minada dentro da própria casa, como reagir com bom humor a comentários inconvenientes e que, sim, os gordos podem comer um X-Tudo sem culpa
 
Renata fala como a autoestima das pessoas gordas pode ser minada dentro da própria casa, como reagir com bom humor a comentários inconvenientes e que, sim, os gordos podem comer um X-Tudo sem culpa

Namorado com vergonha 
“Logo depois de criar o Blog Mulherão, eu tomei um fora de um namorado que vivia me colocando para baixo. Ao longo de três anos de namoro, ele sempre fazia questão de me colocar defeitos, de me comparar com a ex-namorada dele que, segundo suas palavras, era muito linda e gostosa e chamava a atenção de todos. Enquanto amigas ganhavam flores no Dia dos Namorados, eu ganhava compostos emagrecedores e tênis de presente, para me estimular a andar mais a pé. Eu me sentia feia, gorda, insuficiente e culpada por ser tratada mal e menosprezada enquanto mulher.”

 

 

Dia de Modelo Plus Size 
“Quando ele finalmente me deixou, ao invés de seguir minha vida, só pensava em reconquistá-lo, pois, na minha cabeça, ninguém iria gostar de mim gorda e feia, como eu acreditava ser. Eu não tinha fotos sozinhas nas redes sociais, estava sempre escondida atrás dele ou de alguém, com vergonha do meu corpo. Foi aí que tive a ideia de reunir algumas leitoras do blog para fazermos um Dia de Modelo Plus Size. Achava que com fotos novas, o ex-namorado viria atrás de mim. Contratei fotógrafo, equipe de maquiagem e penteado, reuni um acervo de roupas para gordinhas e, com minhas leitoras, fiz um ensaio fotográfico incrível. E aconteceu o que eu esperava. O ex-namorado veio atrás de mim. Mas eu já não o queria mais.”

 

Pazes com o espelho

“Aquela experiência foi transformadora, pois eu vi naquele ensaio fotográfico mulheres que tinham quase o dobro do meu tamanho, que usavam manequins maiores, super bem resolvidas, amadas por seus maridos… Elas foram a minha inspiração para que eu fizesse as pazes com o espelho. O Dia de Modelo se tornou um negócio. Até hoje ele existe. Já produzi ensaios fotográficos para mais de 2 mil mulheres de todo o país. Conquistei minha independência financeira fazendo outras mulheres felizes.”

Textos, notas, citações e mais!

Respondendo comentários -1

Pergunta:

Nenhum texto alternativo automático disponível.

 

Separei 10 dicas para você emagrecer rápido e de forma saudável !

 

  1.  Alimentos ricos em fibras fazem com que você se sinta satisfeito mais rápido, diminuem a ingestão total de calorias e melhoram a digestão.
  2. Inclua uma porção de proteína magra (peixe, ovo ou frango) em todas as refeições para aumentar a queima de calorias, mantê-lo satisfeito e ajudar a obter massa magra.

  3. O corpo pode acidentalmente interpretar sede como fome. Portanto, hidrate-se.

  4. Se livre dos produtos industrializados. Uma certa nutricionista disse uma vez “Se vier pronto pra comer, não presta.” E é verdade. Faça sua própria comida e livre-se dos embalados pra viagem.

  5. Use os chás a seu favor.
  6. Substitua! 
    Ex.:
    1. Queijos amarelos e gordurosos por cottage ou ricota.
    2. Cereais refinados por integrais.
    3. Leites e derivados comuns por desnatados.
    4. Açúcar por adoçante.
    5. Sal e temperos prontos por ervas naturais.
    6. Carnes gordurosas pelas magras, como peixe, peito de frango, peru, patinho e contrafilé.

     

  7.  É clichê, mas é verdade: comer de 3 em 3 horas ajuda a acelerar o metabolismo emagrecer mais rápido. Não sabe como será o dia? Carregue na bolsa lanchinhos ou barrinhas de cereais, assim você evita de cair de boca no primeiro doce que vir pela frente.

  8. Coma legumes e verduras de aperitivo enquanto você cozinha, eles vão aumentar a saciedade. O resultado: menos comida durante a refeição.

  9. Consuma alimentos que aceleram metabolismo. Os alimentos com ação termogênica estimulam a maior queima de calorias. Os principais alimentos termogênicos são: pimenta, chá verde, canela, gengibre e café.

  10. Diminua o consumo de sal e açúcar
Textos, notas, citações e mais!

Reflexão

Pense em todas as pessoas que você conhece.

Pense na pessoa que está ao seu lado nesse momento. Literalmente

Agora abra a sua mente e entenda uma coisa: esta pessoa provavelmente já pensou em se cortar. WHATS?! Calma.. Eu explico.

Quero que entenda que ela já esteve perto da loucura, perto da depressão, perto de passar fome sem necessidade, perto dos pensamentos suicidas. Você não é o único que passou/fez alguma loucura consigo mesmo e não é o primeiro de sua turma de amigos ou de sua família que passa por esse problema.

Resultado de imagem para transtornos mentais

 

  De todos que estão perto de mim, 98% já pensaram em se automutilar (É assustador saber disso nos dias que se passam..). Já viveram perto da Dep (depressão), da Ana (anorexia), do sofrimento. E eu nunca vi isso… Mas depois que você passa por experiências como essa, finalmente você percebe e indentifica quem chora todas as noites e quem se sente tão insignificante quanto você se sente. E essa é a hora que você enxerga que o mundo não está tão longe assim da sua própria realidade e que a sociedade do nosso século perece nos transtornos psíquicos.

Textos, notas, citações e mais!

Querida mamãe…

Querida mamãe,

Eu gostaria de ser tão bela como as outras meninas do meu colégio.

Eu gostaria de me sentir bonita como você acha que sou.

Mamãe, não é tão fácil assim.

Sabe, eu tenho alguns problemas e por favor, por favor não se culpe por nenhum deles

Sei o quanto você me acha bonita e incrível, mas as outras pessoas não acham

E isso me afeta bastante mamãe..

Minhas notas na escola cairam e não foi porque eu não estudei para as provas..

ELES ZOMBAM DE MIM, MAMÃE!

ME CHAMAM DE GORDA, BURRA, FEIA…

Por que fazem isso? O que eu fiz pra eles mamãe?

Isso me enlouqueceu. 

Então tentei de tudo para me enturmar e para ser aceita

E finalmente consegui uma forma para isso

Uma forma perigosa. Mas eficaz.

..

-15kg em 2 semanas..

tumblr_mrh6i9nqns1sysl8mo1_250

Eu sinto muito mamãe, mas esta é a verdadeira beleza.

A única forma de me aceitarem e de eu mesma me aceitar.

..

Querida mamãe,

Eu não queria chegar a este ponto.

Mas eu me perdi no caminho,

Enlouqueci para ser aceita e

Para gostar de mim mesma.

Querida mamãe,

Me perdoe.

 

Textos, notas, citações e mais!
Textos, notas, citações e mais!

Post de perguntas!

FAÇA SUA PERGUNTA NOS COMENTÁRIOS E VOU RESPONDER À TODOS!