Muitas vezes, durante hoje especificamente, eu briguei comigo mesma por não ter dado um passo para minha libertação. Por não ter colocado pra fora o que sinto. Por não ter cuidado das pessoas que eu prometi cuidar.

Por não estar feliz e satisfeita comigo mesma.

Por não sorrir.

Hoje deveria ser um dia em que eu ergueria a minha cabeça e seria feliz. Iria escrever maravilhosos posts para o Blog, iria trabalhar na loja online da minha amiga (na qual, a ajudo em algumas coisas), iria namorar e comemorar meu segundo mês de namoro com o L*. Mas não foi exatamente assim.. eu destruí meu dia, o dia do meu namorado e o pior, destrui mais uma vez a mim mesma.

Eu sinto muito por isso, mas a verdade é que eu ainda não tomei um choque de realidade ou não encontrei minha força interior para me movar daqui pra lá. Eu ainda não consigo dar um passo, mesmo que eu diga a mim mesma “Você precisa sair disso”.

Que prisão é essa que nem ânimo pra sair da minha cama eu tenho?

Eu não quero me odiar. Eu queria ser livre e ser daquelas pessoas que todos admiram, mas olha… não sou. Não tive sorte nisso e acho que nunca vou ter. O caso é que a dor e a vontade de chorar estão aqui. Apenas eu não estou me permitindo senti-la…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s